A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Razões para promover a atividade física. 2005: Ano internacional do Esporte e Educação Física.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Razões para promover a atividade física. 2005: Ano internacional do Esporte e Educação Física."— Transcrição da apresentação:

1 Razões para promover a atividade física

2 2005: Ano internacional do Esporte e Educação Física

3 Objetivos do IYSPE n Esporte e EdF para todos: saúde, fortalecimento de valores coletivos n Ferramenta para Objetivos de Desenvolvimento do Milenio n Promover paz, equidade n Desenvolvimento social e economico n Desenvolvimento cultural, social, da saúde e da educação n Fortalecer cooperações e parcerias n Disseminar evidências cientifica

4 Setores envolvidos n Saúde n Esporte n Educação e cultura n Mídia n Planejamento urbano n Transporte n Governos locais n Planejamento economico e financeiro

5 Conceito de saúde n Não é só ausência de doença n Seguro saúde ou seguro doença ? n Comprende bem-estar físico, mental, social e espiritual n Doença pode ser um estágio avaçado de maus hábitos

6 Continum da saúde Saúde Positiva (Aspectos físico, social, mental e espiritual) Comportamento de Risco (Sedentarismo, dieta rica em gorduras, tabagismo, abuso de álcool e drogas, estresse elevado, etc.) Doença (Coronariopatias, diabetes, hipertensão, obesidade, câncer, osteoporose, etc.) Saúde Negativa (Graves limitações funcionais e mortalidade

7 Definições n Atividade física –Qualquer movimento realizado pela musculatura esquelética que resulte em gasto energético n Exercício físico –Atividade física planejada, estruturada, repetitiva que objetiva o desenvolvimento da aptidão física n Aptidão física –Características que, em níveis adequados, possibilitam mais energia para o trabalho e o lazer, proporcionando, paralelamente, menor risco de desenvolver doenças ligadas ao sedentarismo »Aptidão cardiorespiratória »Força/resistência muscular »Flexibilidade

8 Benefícios da atividade física para a saúde n Melhoria da qualidade de vida n Redução da morbidade e mortalidade n Quarteto mortal: –Obesidade –Dislipidemias –Diabetes –Hipertensão

9 Atividade física na população brasileira

10 Educação Física e Esportes no Brasil – Base 2003 Participantes muito ativos 749 mil Participantes regulares mil Participantes ocasionais mil Torecedores mil Espaços esportivos + Academias 78 mil + 20 mil Empregos Diretos + Indiretos 870 mil mil n Profissionais Graduados + Não graduados 228 mil + 80 mil n Mestres – titulados de n Doutores – titulados de Alunos Graduação/Cursos /397 Alunos Mestrado/Curso 719/12 Alunos Doutorado/Curso 156/5

11 Prevalência em Rio Claro Campanha de Diabetes e Hipertensão Arterial/PMRC 2001 n População em 2001 –170 mil n Incidência total em maiores de 40 anos –18 mil

12 Mortalidade em Rio Claro Caderno de Informações de Saúde, Ministério da Saúde n Óbitos relacionados com o quarteto da morte: –Total: 231 (2000) –Infarto: » 31/100 mil –Cerebrovascular: »86/100 mil –Diabetes »20/100 mil

13 Quem faz atividade física, quem não faz n Quem faz –homens –curso superior –18 a 24 anos –renda > 20 SM n Não faz –mulheres –primeiro grau –45 a 60 anos –renda < 10 SM Fonte: Datafolha 1997

14 Benefícios: bioquímica sangüínea

15 Benefícios: redução da pressão arterial

16 Benefícios: melhora da aptidão física

17 Prevenção primária –Conjunto de medidas dirigidas à população sadia para evitar a ocorrência de novos casos. Visa reduzir a incidência. Divide-se em promoção e proteção: »Promoção da saúde: conjunto de medidas inespecíficas, orientads para população sadia, com o intuito de manter a saúde e prevenir, de maneira geral, a ocorrência de doença »Proteção da saúde: conjunto de medidas dirigidas à população sadia, com o fito de prevenir uma única afecção ou um conjunto de doenças afins

18 Prevenção secundária n Conjunto de medidas dirigidas à população doente, com o intuito de detectar os casos clínicos e subclínicos e tratá-los. Visa diminuir a duração da doença e sua prevalência. Divide- se em diagnóstico e tratamento precoce (3º nível de prevenção) e limitação do dano –Diagnóstico e tratamento precoce: consiste em identificar e tratar a doença em evolução subclínica –Limitação do dano: consiste em identificar e tratar a doença que se encontra em evolução clinicamente aparente, de reconhecimento mais tardio da doença

19 Prevenção terciária ou reabilitação n Conjunto de medidas para desenvolver a capacidade residual e potencial do indivíduo após a passagem da doença. Visa promover o ajustamento da pessoa a situações irreversíveis, atenuar a invalidez e evitar o óbito


Carregar ppt "Razões para promover a atividade física. 2005: Ano internacional do Esporte e Educação Física."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google