A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ARCOS PLANTARES CAVOS, PLANOS E NORMAIS. Anatomia para Estudantes – Richard L. Drake Wayne Vogl Adam W. M. Mitchell - 2005.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ARCOS PLANTARES CAVOS, PLANOS E NORMAIS. Anatomia para Estudantes – Richard L. Drake Wayne Vogl Adam W. M. Mitchell - 2005."— Transcrição da apresentação:

1 ARCOS PLANTARES CAVOS, PLANOS E NORMAIS

2 Anatomia para Estudantes – Richard L. Drake Wayne Vogl Adam W. M. Mitchell

3 Anatomia para Estudantes – Richard L. Drake Wayne Vogl Adam W. M. Mitchell

4 Alterações nos pés Desequilíbrios musculares Sobrecargas e má distribuição do peso corporal Alteram consideravelmente os arcos plantares, aumentando-os ou diminuindo-os Comprometem as funções de absorção de impactos e diminuem sua mobilidade Érica Verderi

5 Plano ou Chato É a diminuição do arco plantar e está sempre associado a um talus valgus.Provoca rotação medial dos eixos tibiais e femorais e, conseqüentemente, a tendência a um joelho valgo (angulado medialmente), direcionando as patelas para o sentido medial.

6 Érica Verderi

7 Pode ser congênito ou adquirido: Congênito: Proveniente da hereditariedade Acentuada frouxidão de ligamentos; Articulações mediotársica e subastragaliana são hipermóveis; Tendão calcâneo curto

8 Adquirida: É conseqüência de desequilíbrios musculares, postural ou estático. Peso excessivo; Fadiga muscular; Uso de calçados inadequados; Maus hábitos da marcha.

9 O pé plano pode aumento de carga nas extremidades inferiores como um todo, o que resulta em aumento da rotação interna da perna. Conseqüências: Modificação do padrão de trabalho biomecânico da musculatura da coxa, de forma que a perna, o joelho e o quadril ficam sujeitos a mais sobrecarga. Essa pode ser a causa de lesões por excesso de uso ou outras condições dolorosas nessas áreas. Lesões do Esporte – Prevenção e tratamento – Lars Peterson – Per Renström

10 Cavo Aumento do arco longitudinal, sua origem ainda não é definida. Pode ser proveniente de: Doença paralítica; desequilíbrios posturais e musculares no período de crescimento; Doenças neurológicas ou Deformidades da coluna Devem ser tratados paralelamente a causa, para que os exercícios possam apresentar resultados, quando aplicados.

11 Um pé cavo é relativamente inflexível e tem uma amplitude de movimento articular limitada.É quase sempre combinado com uma musculatura rígida da panturrilha e uma aponeurose plantar rígida. Lesões do Esporte – Prevenção e tratamento – Lars Peterson – Per Renström

12 Sintomas e Diagnóstico Pode-se desenvolver dedo em martelo (os dedos ficam dobrados, não podendo ser endireitados). O hálux fica voltado para baixo, o que quase sempre leva a formação de calos dolorosos. Dor causada por esforço prolongado. Pés cavos geralmente não toleram muito bem corridas de longa distância. Lesões do Esporte – Prevenção e tratamento – Lars Peterson – Per Renström

13 Programa de Educação Postural – Érica Verderi

14 Normais Pé normal, pé reto: A impressão do pé deve mostrar cinco áreas de dedos do pé, uma área anterior e uma posterior de planta do pé com uma faixa de ligação entre as duas áreas da planta. A carga principal do pé normal se faz sentir medialmente no calcâneo e na cabeça do osso metatársico I. Atlas de Anatomia humana – Aparelho de movimento I – W. Khale. H Leonhardt. W. Platzer

15

16

17 O futebol apresenta características próprias que propiciam lesões traumato-ortopédicas. Por outro lado, temos na literatura que alterações posturais como genovaro ou valgo, curvas lordóticas ou escolióticas estruturadas, discrepâncias verdadeiras no comprimento dos membros, quadris com anteroversão ou retroversão, exagerado genu recurvatum e tipo anormal do pé aumentam o risco de lesões no esporte (GOULD III, 1993). Incidência de lesões traumato-ortopédicas no futebol de campo feminino e sua relação com alterações posturais Incidences of traumatic-orthopedic injuries in women's soccer and its relation to postural alterations. Cláudia Batista Siqueira Leite* Florêncio Figueiredo Cavalcanti Neto** (Brasil)


Carregar ppt "ARCOS PLANTARES CAVOS, PLANOS E NORMAIS. Anatomia para Estudantes – Richard L. Drake Wayne Vogl Adam W. M. Mitchell - 2005."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google