A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO. AS TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 02 A ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA – FREDERICK W. TAYLOR.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO. AS TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 02 A ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA – FREDERICK W. TAYLOR."— Transcrição da apresentação:

1 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO

2 AS TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 02 A ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA – FREDERICK W. TAYLOR A ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA – FREDERICK W. TAYLOR AS TAREFAS e o ESTUDO DOS TEMPOS E MOVIMENTOS A TEORIA CLÁSSICA – HENRI FAYOL A TEORIA CLÁSSICA – HENRI FAYOL A DEPARTAMENTALIZAÇÃO e os 14 PRINCÍPIOS DA ADMINISTRAÇÃO A TEORIA DA BUROCRACIA - MAX WEBER A TEORIA DA BUROCRACIA - MAX WEBER ÊNFASE À DIVISÃO DO TRABALHO e as LEIS E REGRAS TEORIA DAS RELAÇÕES HUMANAS - GEORGE ELTON MAYO TEORIA DAS RELAÇÕES HUMANAS - GEORGE ELTON MAYO UMA ABORDAGEM HUMANÍSTICA - A ESCOLA DAS RELAÇÕES HUMANAS A TEORIA DAS NECESSIDADES HUMANAS - ABRAHAM MASLOW A TEORIA DAS NECESSIDADES HUMANAS - ABRAHAM MASLOW BÁSICAS, SEGURANÇA, SOCIAIS, ESTIMA, AUTO-REALIZAÇÃO O MODELO MOTIVACIONAL - FREDERIK HERZBERG O MODELO MOTIVACIONAL - FREDERIK HERZBERG FATORES HIGIÊNICOS E MOTIVACIONAIS OS ASPECTOS DA VIDA ORGANIZACIONAL - DOUGLAS Mc GREGOR OS ASPECTOS DA VIDA ORGANIZACIONAL - DOUGLAS Mc GREGOR AS ANÁLISES DAS TEORIAS X e Y DA ESCOLA DA ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA ATÉ A ESCOLA DAS RELAÇÕES HUMANAS MUITAS MUDANÇAS ACONTECERAM. DA ESCOLA DA ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA ATÉ A ESCOLA DAS RELAÇÕES HUMANAS MUITAS MUDANÇAS ACONTECERAM. ASSIM, VAMOS ESTUDAR AS CINCO VARIÁVEIS DAS EMPRESAS:

3 PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 03 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL ORGANIZACIONAL TECNOLOGIA TAREFAS DESEMPENHADAS PESSOAS AMBIENTE INTERNO E EXTERNO ASVARIÁVEIS DA DAADMINISTRAÇÃO

4 AS 3 ETAPAS DAS ORGANIZAÇÕES NO DECORRER DO SÉC. XX Período IndustrializaçãoClássicaIndustrializaçãoNeoclássica Era da Informação Após 1990 Estrutura Funcional, Rígida, Piramidal, Inflexível e Burocrática Matricial,departamentalização por produtos/serviços Fluída e Flexível Redes de equipes multifuncionais Cultura Foco no passado e nas tradições. Manutenção do status quo Foco no presente. Ênfase na adaptação ao ambiente Foco no futuro. Ênfase na mudança e na inovação e na inovação Ambiente Estático e Previsível Intensificação das mudanças Imprevisível e turbulento Pessoas Denominação Fatores de produção inertes, sujeito a regulamentos rígidos e ao controle RelaçõesIndustriais Pessoas como recursos que precisam ser administrados Administração de RH Pessoas como seres humanos proativos Gestão de Pessoas PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 04

5 GESTÃO DE PESSOAS A Gestão de Pessoas (GP) é responsável por um conjunto de políticas e práticas que permitem a conciliação de expectativas entre a organização e as pessoas para que ambas possam realizá-las ao longo do tempo. (Joel Souza Dutra) PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 05

6 CONCEITOS E NOMENCLATURAS ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL RELAÇÕES INDUSTRIAIS RELAÇÕES INDUSTRIAIS ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS GESTÃO DE PESSOAS GESTÃO DE PESSOAS GESTÃO DE TALENTOS GESTÃO DE TALENTOS GESTÃO DE CAPITAL HUMANO GESTÃO DE CAPITAL HUMANO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 06 DEPARTAMENTO GENTE DEPARTAMENTO GENTE

7 EVOLUÇÃO DA GESTÃO DE PESSOAS NO BRASIL PERÍODOFASECARACTERÍSTICAS Antes de Antes de Contábil Contábil Inexistência de legislação trabalhista e de Inexistência de legislação trabalhista e de Departamento Pessoal Departamento Pessoal Descentralização das funções Descentralização das funções De 1930 a 1950 Legal Legal Implantação da legislação trabalhista Implantação da legislação trabalhista Surgimento do Departamento Pessoal para Surgimento do Departamento Pessoal para atender as exigências legais atender as exigências legais De 1950 a 1965Tecnicista Desenvolvimento da indústria Desenvolvimento da indústria automobilística automobilística Avanço nas relações entre capital e trabalho. Avanço nas relações entre capital e trabalho. De 1965 a 1985 Administrativa Implementação dos subsistemas de RH Implementação dos subsistemas de RH Preocupação com a eficiência e Preocupação com a eficiência e desempenho desempenho Movimento sindical Movimento sindical De 1985 a atual Preocupação com o capital humano Preocupação com o capital humano Planejamento estratégico de RH Planejamento estratégico de RH Estratégica PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 07

8 DIFERENTES VISÕES DA FUNÇÃO DE GESTÃO DE PESSOAS Visão Clássica Visão Contemporânea Administração de Recursos Humanos Gestão de Pessoas Administração de Pessoal PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 08 Visão Neo-Clássica

9 CARACTERÍSTICAS DA GESTÃO DE PESSOAS CONTINGENCIAL E SITUACIONAL CONTINGENCIAL E SITUACIONAL RESPONSABILIDADE DE LINHA E STAFF RESPONSABILIDADE DE LINHA E STAFF SISTÊMICA SISTÊMICA A GESTÃO DE PESSOAS É: PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 09

10 Não existe um único Modelo ou o Melhor Modelo de Gestão de Pessoas, aplicável a toda ou qualquer organização. aplicável a toda ou qualquer organização. O CARÁTER CONTIGENCIAL E SITUACIONAL DA GESTÃO DE PESSOAS O Desenho da Gestão de Pessoas é elaborado de acordo com o perfil de cada organização em particular, pois depende de aspectos como: N Negócio da Organização C Capacidade Financeira ontexto Ambiental E Estrutura Organizacional Cultura Organizacional T Tecnologia Utilizada P Processos Internos PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 10

11 A Gestão de Pessoas é responsabilidade de todos A Gestão de Pessoas é responsabilidade de todos os gerentes da organização. A GESTÃO DE PESSOAS COMO RESPONSABILIDADE DE LINHA E COMO STAFF A área de Gestão de Pessoas tem como objetivo e A área de Gestão de Pessoas tem como objetivo e responsabilidade dar apoio (staff) aos gerentes, empregados e à organização. e à organização. PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 11

12 A função de Gestão de Pessoas é vista como um grande Sistema Integrado, composto por vários subsistemas e processos Interligados e Interdependentes. OS PROCESSOS DE GESTÃO DE PESSOAS SÃO INTERDEPENDENTES SÃO INTERDEPENDENTES VISÃO SISTÊMICA PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 12

13 GESTÃO DE PESSOAS OS PROCESSOS DE GESTÃO DE PESSOAS SERVEM PARA DAR SUPORTE ÀS AÇÕES GERENCIAIS E AOS DEMAIS PROCESSOS ORGANIZACIONAIS. PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 13

14 QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS FATORES QUE INTERFEREM NAS RELAÇÕES DE TRABALHO E NO DESEMPENHO DE INDIVÍDUOS E DE GRUPOS NAS ORGANIZAÇÕES? PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 14

15 è INSATISFAÇÃO COM.... AMBIENTE DE TRABALHO REMUNERAÇÃO GERÊNCIA ADMINISTRAÇÃO GRUPO DE TRABALHO TRABALHO CONFLITO RELAÇÕES DE PODER MOTIVAÇÃO CLIMA ORGANIZACIONAL LIDERANÇACOMUNICAÇÃO CULTURA ORGANIZACIONAL PESSOAS ORGANIZAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 15

16 GESTÃO DE PESSOAS: EIXO GESTÃO DE PESSOAS: EIXO PSICOSSOCIAL E COMPORTAMENTAL PSICOSSOCIAL E COMPORTAMENTAL Modelo de Gestão de Pessoas Modelo de Gestão de Pessoas AMBIENTE INTERNO E EXTERNO CULTURA E MUDANÇA NAS ORGANIZAÇÕES RELAÇÕES DE TRABALHO, CONFLITO E PODER NAS ORGANIZAÇÕES FUNÇÃO GERENCIAL NASORGANIZAÇÕES COMPORTAMENTO HUMANO NAS ORGANIZAÇÕES PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 16

17 GESTÃO DE PESSOAS: EIXO TÉCNICO-INSTRUMENTAL AMBIENTE INTERNO E EXTERNO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO ORGANIZAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS DIAGNÓSTICO EM GESTÃO DE PESSOAS PROVISÃO, TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO GESTÃO DE DESEMPENHO, REMUNERAÇÃO E CARREIRA PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 17

18 A COMPOSIÇÃO DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO

19 A GESTÃODEPESSOASENVOLVEDIVERSOS CONCEITOS E APLICAÇÕES PSICOLOGIA INDUSTRIAL E ORGANIZACIONAL E ORGANIZACIONALSOCIOLOGIAORGANIZACIONAL PEDAGOGIA EMPRESARIAL DIREITO DO TRABALHO GESTÃOAMBIENTAL TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO SERVIÇO SOCIAL ECONOMIA COMUNICAÇÃO ENGENHARIA INDUSTRIAL INDUSTRIAL SEGURANÇA DO TRABALHO MEDICINA DO TRABALHO NUTRIÇÃO ADMINISTRAÇÃO RELAÇÕES PÚBLICAS ESTATÍSTICA, etc. PEDRO CARLOS DE CARVALHO 19

20 APLICAÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE TESTES PSICOLÓGICOS ENTREVISTASCOMPESSOAS TECNOLOGIAS DE APRENDIZAGEMINDIVIDUAL ALTERAÇÕES NA ESTRUTURAORGANIZACIONALNUTRIÇÃOEALIMENTAÇÃO OS ASSUNTOS TRATADOS NA GESTÃO DE PESSOAS OS ASSUNTOS TRATADOS NA GESTÃO DE PESSOAS SÃO PERTINENTES A UMA MULTIPLICIDADE DE CONHECIMENTOS: MULTIPLICIDADE DE CONHECIMENTOS: PLANODECARREIRA MEDICINAEENFERMAGEM MOTIVAÇÃO E SATISFAÇÃO NO TRABALHO ABSENTEÍSMO E TURN-OVER ACIDENTES DE TRABALHO GESTÃO AMBIENTAL ESUSTENTABILIDADE INTERPRETAÇÃO DE LEISTRABALHISTAS RELAÇÕES SINDICAIS ASSISTÊNCIASOCIAL DESENHO DO CARGO ENCARGOSSOCIAISÉTICATRANSPORTEDEPESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 20

21 LEGISLAÇÃO AMBIENTAL PESQUISADE MERCADO DE TRABALHO RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE PESSOAL LEGISLAÇÃO TRABALHISTA EPREVIDENCIÁRIA RELAÇÕES COM ENTIDADES DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL PESQUISA DE SALÁRIOS E BENEFÍCIOS RELAÇÕES COM SINDICATOS E ASSOCIAÇÕES DE CLASSE TÉCNICASDAGESTÃODEPESSOASUTILIZADASNOAMBIENTEEXTERNODAORGANIZAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO 21

22 HIGIENEESEGURANÇA ANÁLISE, DESCRIÇÃO E AVALIAÇÃO DE CARGOS TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAL POLÍTICASALARIAL PLANO DE BENEFÍCIOSSOCIAIS AVALIAÇÃODEDESEMPENHO PLANODECARREIRA TÉCNICASDAGESTÃODEPESSOASUTILIZADASNOAMBIENTEINTERNODAORGANIZAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO 22

23 RECRUTAMENTO, ENTREVISTAS, SELEÇÃO, INTEGRAÇÃO, etc. AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E FEEDBACK ACONSELHAMENTO DE ACONSELHAMENTO DEPESSOASPROGRAMASDE TREINAMENTO DE PESSOAL TÉCNICAS APLICADAS APLICADASDIRETAMENTESOBREPESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 23

24 TÉCNICAS TÉCNICASAPLICADASINDIRETAMENTESOBREPESSOAS CARGOSOCUPADOS ANÁLISE E DESCRIÇÃO DE CARGOS AVALIAÇÃO DE CARGOS CLASSIFICAÇÃO DE CARGOS PLANOSGENÉRICOS PLANEJAMENTO DA ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS NORMAS E PADRÕES DE CONDUTA QUALIDADE DE VIDA PEDRO CARLOS DE CARVALHO 24

25 GESTÃO DE PESSOAS TÉCNICAS QUE FORNECEM DADOS DECISÕES RESULTANTES PEDRO CARLOS DE CARVALHO ANÁLISE E DESCRIÇÃO DE CARGOS RECRUTAMENTO E SELEÇÃO ADMISSÃO DE PESSOAL ENTREVISTAS 2- AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO PROMOÇÕES ENTREVISTA DE DESLIGAMENTO TRANSFERÊNCIAS, REGISTROS DE ROTAÇÃO DE PESSOAL READMISSÕES E REGISTROS DE RECLAMAÇÕES DESLIGAMENTOS 3- AVALIAÇÃO DE CARGOS DEFINIÇÃO deSALÁRIOS ANÁLISE DO MERCADO DE SALÁRIOS de SALÁRIOS 4- PROGRAMAS DE TREINAMENTO CAPACITAÇÃO

26 A ATUAÇÃO DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 26 CARGOS ÁREAS EMPRESA MERCADO MACRO-AMBIENTE GESTÃODEPESSOAS PESSOAS MEIOAMBIENTE

27 AS FUNÇÕES BÁSICAS DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 27

28 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 28 FUNÇÃO BÁSICA 1ª. FUNÇÃO BÁSICA ATRAÇÃO PROCESSO: ATRAÇÃO OBJETIVO: QUEM IRÁ SER CONTRATADO PARA TRABALHAR NA ORGANIZAÇÃO. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS : PESQUISA DE MERCADO DE TALENTOS RECRUTAMENTO DE PESSOAL SELEÇÃO DE PESSOAL

29 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 29 FUNÇÃO BÁSICA 2ª. FUNÇÃO BÁSICA PROCESSO: MOTIVAÇÃO OBJETIVO: ADAPTAR AS PESSOAS À ORGANIZAÇÃO. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: INTEGRAÇÃO DE PESSOAL DESENHO DE CARGOS AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DESCRIÇÃO DE CARGOS

30 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 30 FUNÇÃO BÁSICA 3ª. FUNÇÃO BÁSICA MANUTENÇÃO PROCESSO: MANUTENÇÃO OBJETIVO:MANTER AS PESSOAS TRABALHANDO NA EMPRESA. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: ADMINISTRAÇÃO DE SALÁRIOS BENEFÍCIOS E SERVIÇO SOCIAL SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO RELAÇÕES SINDICAIS GESTÃO AMBIENTAL

31 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 31 FUNÇÃO BÁSICA 4ª. FUNÇÃO BÁSICA TREINAMENTO PROCESSO: TREINAMENTO OBJETIVO: PREPARAR E CAPACITAR O PESSOAL DA EMPRESA. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: COMUNICAÇÃOCAPACITAÇÃO HABILITAÇÃOAPERFEIÇOAMENTO

32 GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 32 FUNÇÃO BÁSICA 5ª. FUNÇÃO BÁSICA PROCESSO: DESENVOLVIMENTO OBJETIVO: SABER QUEM FOI TREINADO E ACOMPANHAR A EFICÁCIA DOS PROGRAMAS DE TREINAMENTO EFICÁCIA DOS PROGRAMAS DE TREINAMENTO ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: CONTROLES RESULTADOS OBTIDOS RELACIONAMENTO PESSOAL PRODUTIVIDADEQUALIDADE

33 OS IMPACTOS NAS FUNÇÕES BÁSICAS DA GESTÃO DE PESSOAS FUNÇÕES ATRAÇÃO DE CANDIDATOS MOTIVAÇÃO MANUTENÇÃO TREINAMENTO PEDRO CARLOS DE CARVALHO 33 INFLUÊNCIAS EXTERNAS SINDICATOS COMUNIDADES LEGISLAÇÃO GLOBALIZAÇÃO POLÍTICA MEIO AMBIENTE DESENVOLVIMENTO

34 1- A GESTÃO OPERACIONAL DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 34 TREINAMENTODEPESSOAL CARGOS E SALÁRIOS BENEFÍCIOS SEGURANÇA DO TRABALHO RELAÇÕESSINDICAIS GESTÃO OPERACIONAL OPERACIONAL RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE PESSOAL ALGUMAS ÁREAS INCLUÍDAS NESTE FOCO OPERACIONAL: DEPARTAMENTOPESSOAL

35 2- A GESTÃO ESTRATÉGICA DA ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 35 DESENVOLVIMENTO DA CAPACIDADE ORGANIZACIONAL ABSORÇÃO E APLICAÇÃO DE MUDANÇAS MANUTENÇÃO DE EMPREGADOS MOTIVAÇÃO NO TRABALHO QUALIDADE TOTAL NAS ORGANIZAÇÕES ORGANIZAÇÕES GESTÃO ESTRATÉGICA ESTRATÉGICA DESENVOLVIMENTO DA CAPACIDADE HUMANA ALGUMAS ÁREAS INCLUÍDAS NESTE FOCO ESTRATÉGICO:

36 AS DUAS FACES DA GESTÃO DE PESSOAS OPERACIONAL LEGISLAÇÃO TRABALHISTA DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL CLT ANÁLISE DE CENÁRIOS ESTATÍSTICA CONHECIMENTO DO BUSINESS MEDICINA DO TRABALHO PROGRAMAS MOTIVACIONAIS HIGIENE E SEGURANÇA DESENVOLVIMENTO HUMANO PSICOLOGIA INDUSTRIALLIDERANÇA CARGOS E SALÁRIOS REMUNERAÇÃO VARIÁVEL SEGURANÇA PATRIMONIAL COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL PROCEDIMENTOS DIVERSOS POLÍTICAS DE QUALIDADE PEDRO CARLOS DE CARVALHO 36 ESTRATÉGICA

37 OS PRINCIPAIS OBJETIVOS DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 37

38 OBJETIVOS DA GESTÃO DE PESSOAS Participar das estratégias da organização para alcançar seus objetivos e realizar sua missão.Participar das estratégias da organização para alcançar seus objetivos e realizar sua missão. Garantir um equilíbrio entre os interesses dos funcionários e os da organização. Garantir um equilíbrio entre os interesses dos funcionários e os da organização. Contribuir para a melhoria do desempenho individual e organizacional. Contribuir para a melhoria do desempenho individual e organizacional. PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 38

39 OBJETIVOS DA GESTÃO DE PESSOAS Atrair, desenvolver e manter profissionais Atrair, desenvolver e manter profissionais qualificados. qualificados. Garantir o comprometimento e a motivação dos indivíduos. Garantir o comprometimento e a motivação dos indivíduos. Desenvolver e manter qualidade de vida no trabalho. Desenvolver e manter qualidade de vida no trabalho. Administrar as mudanças.Administrar as mudanças. PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 39

40 AS DIFICULDADES BÁSICAS DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 40

41 a- A ÁREA DE GESTÃO DE PESSOAS LIDA COM MEIOS, RECURSOS INTERMEDIÁRIOS E NÃO COM FINS. É UMA FUNÇÃO DE ASSESSORIA, PLANEJANDO, PRESTANDO SERVIÇOS ESPECIALIZADOS, RECOMENDANDO E CONTROLANDO. É UMA FUNÇÃO DE ASSESSORIA, PLANEJANDO, PRESTANDO SERVIÇOS ESPECIALIZADOS, RECOMENDANDO E CONTROLANDO. b- A ÁREA DE GESTÃO DE PESSOAS LIDA COM RECURSOS VIVOS, COMPLEXOS, DIFERENTES E VARIÁVEIS, QUE SÃO AS PESSOAS. SAEM DO AMBIENTE PARA DENTRO DA EMPRESA, CRESCEM, DESENVOLVEM-SE, MUDAM DE ATIVIDADE, DE POSIÇÃO E DE VALOR. c- OS TALENTOS NÃO ESTÃO SOMENTE DENTRO DA ÁREA DE GESTÃO DE PESSOAS, MAS SIM ALOCADOS NOS DIVERSOS ÓRGÃOS DA EMPRESA E SUBORDINADOS A DIVERSOS E DIFERENTES NÍVEIS HIERÁRQUICOS. PEDRO CARLOS DE CARVALHO 41

42 d- A GESTÃO DE PESSOAS TRABALHA EM AMBIENTES E EM CONDIÇÕES QUE NÃO DETERMINOU E SOBRE OS QUAIS POSSUI UM GRAU DE PODER E CONTROLE MUITO PEQUENO. e- A GESTÃO DE PESSOAS NÃO LIDA DIRETAMENTE COM FONTES DE RECEITA. GRANDE PARTE DAS EMPRESAS CONSIDERA SEUS FUNCIONÁRIOS CENTRO DE CUSTOS E NÃO CENTRO DE LUCROS. GRANDE PARTE DAS EMPRESAS CONSIDERA SEUS FUNCIONÁRIOS CENTRO DE CUSTOS E NÃO CENTRO DE LUCROS. f- A ÁREA DE GESTÃO DE PESSOAS FAZ OU NÃO UM BOM TRABALHO? A ÁREA TEM DESAFIOS E RISCOS NÃO CONTROLADOS OU NÃO CONTROLÁVEIS, NÃO PADRONIZADOS E IMPREVISÍVEIS. A ÁREA TEM DESAFIOS E RISCOS NÃO CONTROLADOS OU NÃO CONTROLÁVEIS, NÃO PADRONIZADOS E IMPREVISÍVEIS. PEDRO CARLOS DE CARVALHO 42

43 PEDRO CARLOS DE CARVALHO 43 ESTRATÉGIA DA GESTÃO DE PESSOAS ALINHADA À ESTRATÉGIA ORGANIZACIONAL GESTÃOGESTÃO - RECRUTAMENTO e SELEÇÃO DE PESSOAL - TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO - TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO - REMUNERAÇÃO e BENEFÍCIOS - REMUNERAÇÃO e BENEFÍCIOS - SISTEMAS DE AVALIAÇÃO - SISTEMAS DE AVALIAÇÃO -TECNOLOGIAS DE SUPORTE -TECNOLOGIAS DE SUPORTE - ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL - ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL CAPITAL HUMANO+ ESTRATÉGIAS ESTRATÉGIASDA GESTÃO DE PESSOAS ESTRATÉGIA OPERACIONAL DIFERENCIAL COMPETITIVO

44 PLANEJAMENTO DE PESSOAS ATRAIR PESSOAS MOTIVAR PESSOAS MANTER PESSOAS TREINAR PESSOAS DESENVOLVER PESSOAS GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 44

45 A IMPORTÂNCIA DAS PESSOAS NAS EMPRESAS A IMPORTÂNCIA DAS PESSOAS NAS EMPRESAS O FUTURO DO SEU NEGÓCIO ESTÁ NAS NAS MÃOS DOS SEUS EMPREGADOS. MÃOS DOS SEUS EMPREGADOS. (Akio Morita – ) TODAS AS OPERAÇÕES DE NEGÓCIOS PODEM SER RESUMIDAS EM TRÊS FATORES: PESSOAS, PRODUTOS E LUCROS. AS PESSOAS VÊM EM PRIMEIRO LUGAR. (Lee Iacocca ) UMA EMPRESA É UMA ENTIDADE DO MEIO SOCIAL. É CONSTITUÍDA DE PESSOAS. O RESULTADO DE UMA EMPRESA DEPENDE DO DESEMPENHO DAS PESSOAS. (Hélio Beltrão – ) AS DUAS COISAS MAIS IMPORTANTES DE UMA EMPRESA NÃO APARECEM NOS SEUS DEMONSTRATIVOS FINANCEIROS: SUA REPUTAÇÃO E SUAS PESSOAS. (Henry Ford – ) AS PESSOAS SÃO OS ÚNICOS ELEMENTOS DIFERENCIADOS DE UMA ELEMENTOS DIFERENCIADOS DE UMA EMPRESA. PESSOAS EXCEPCIONAIS PODEM FAZER FUNCIONAR BEM UMA EMPRESA. (Louis Allen – ) O EMPREGADOR GERALMENTE CONSEGUE AS PESSOAS QUE ELE MERECE. (Sir Walter Bilbey – ) (Sir Walter Bilbey – ) PEDRO CARLOS DE CARVALHO 45

46 F AS EMPRESAS COMPETEM COM BASE NA SUA CAPACIDADE DE GERAR CONTINUAMENTE INOVAÇÕES E, COM ISTO, CRIAR VALOR PARA CRIAR VALOR PARA CLIENTES, INVESTIDORES, COMUNIDADE, FORNECEDORES, etc. F PARA SER EFICIENTE E OBTER SUCESSO, A ORGANIZAÇÃO TEM QUE SER CAPAZ DE PREVER MUDANÇAS AMBIENTAIS E INVENTAR OU IMPLEMENTAR ALGO NOVO COM: Ø Uma nova tecnologia; Ø Um novo produto ou serviço; Ø Um novo processo; Ø Uma nova estratégia de marketing; Ø Uma nova forma de servir ao cliente e Ø Uma nova prática de GESTÃO de PESSOAS O DESAFIO PARA AS ORGANIZAÇÕES PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 46

47 A verdadeira viagem de descoberta consiste em não procurar novas paisagens, mas em ter novos olhos. ABORDAGEM SISTÊMICA DA GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO 47 Marcel Proust Marcel Proust (Escritor Francês: 1871 – 1922)


Carregar ppt "GESTÃO DE PESSOAS PEDRO CARLOS DE CARVALHO. AS TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO PEDRO CARLOS DE CARVALHO - 02 A ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA – FREDERICK W. TAYLOR."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google