A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Conceitos e objetivos da Gestão de Pessoas. Conceito de Gestão de Pessoas: A GP refere-se às políticas e práticas necessárias para administrar o trabalho.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Conceitos e objetivos da Gestão de Pessoas. Conceito de Gestão de Pessoas: A GP refere-se às políticas e práticas necessárias para administrar o trabalho."— Transcrição da apresentação:

1 Conceitos e objetivos da Gestão de Pessoas

2 Conceito de Gestão de Pessoas: A GP refere-se às políticas e práticas necessárias para administrar o trabalho das pessoas (CHIAVENATO, 2008, p. 15). Ajuda o administrador a desempenhar suas funções: planejar, organizar, dirigir e controlar.

3 Exemplos de políticas e práticas: Agregar talentos à organização; Integrar e orientar talentos em uma cultura participativa, colhedora e empreendedora; Modelar o trabalho (individual e em equipe) para que se torne significativo, agradável e motivador; Recompensar o desempenho e os resultados; Avaliar o desempenho e melhorá-lo;

4 Comunicar, transmitir conhecimento e proporcionar retroação intensa; Treinar e desenvolver talentos; Proporcionar excelentes condições de trabalho e melhorar a qualidade de vida no trabalho; Manter excelentes relações com talentos; Aumentar a competitividade dos talentos; Incentivar o desenvolvimento organizacional.

5 Contexto: Mudanças Contexto: formado por pessoas e organizações. As pessoas passam boa parte de suas vidas trabalhando em organizações. Dependência mútua entre as pessoas e a organização.

6 Conceito de Organização: Segundo Chiavenato, [...] as organizações são unidades sociais (ou agrupamentos humanos) intencionalmente construídas e reconstruídas, a fim de atingir objetivos específicos. Isso significa que as organizações são construídas de maneira planejada e elaboradas para atingir determinados objetivos. Elas também são reconstruídas, isto é, reestruturadas e redefinidas, à medida que os objetivos são atingidos ou à medida que se descobrem meios melhores para atingi- los com menor custo e menor esforço. Uma organização nunca constitui uma unidade pronta e acabada, mas um organismo social vivo e sujeito a constantes mudanças (2006, p. 26).

7 Resumindo: Nasce devido às limitações individuais; Unidade social ou agrupamento humano; Constituída de forma proposital; Tem objetivos específicos; Sujeita a constantes mudanças.

8 Exemplos de organização: Empresas industriais; Bancos e financeiras; Escolas e universidades; Lojas e comércio; Igreja; Hospitais e laboratórios; Rádio e televisão; Shopping Centers; Empresas jornalísticas; Empresas de consultoria; Empresas de auditoria; Cinema e teatro; Empresas de propaganda; Clínicas médicas; Restaurantes.

9 Variáveis na GP: Cultura organizacional; Estrutura da organização; Características do contexto ambiental; Negócio da organização; Tecnologia utilizada; Processos internos; Estilo da gestão.

10 Pessoas são recursos ou parceiros da organização? Recursos: os empregados são padronizados, uniformes, inertes e precisam ser administrados, o que envolve planejamento, organização, direção e controle de suas atividades. Constituem parte do patrimônio físico na contabilidade organizacional.

11 Parceiros: são fornecedores de conhecimentos, habilidades, competências e, sobretudo, o mais importante aporte para as organizações: a inteligência que proporciona decisões racionais e que imprime significado e rumo aos objetivos globais.

12 Aspectos fundamentais da moderna Gestão de Pessoas: As pessoas como seres humanos; As pessoas como ativadores de recursos organizacionais; As pessoas como parceiros da organização; As pessoas como talentos fornecedores de competência; As pessoas como o capital humano da organização: ou seja, as pessoas como o principal ativo organizacional que agrega inteligência ao negócio da organização.

13 Objetivos da Gestão de Pessoas Ajudar a organização a alcançar seus objetivos e realizar sua missão; Proporcionar competitividade à organização; Proporcionar à organização pessoas bem treinadas e bem motivadas; Aumentar a auto-avaliação e a satisfação das pessoas no trabalho;

14 Desenvolver e manter qualidade de vida no trabalho; Administrar e impulsionar a mudança; Manter políticas éticas e comportamento socialmente responsável; Construir a melhor empresa e a melhor equipe.

15 Gestão de Pessoas: Contempla seis processos: Agregar pessoas; Aplicar pessoas; Recompensar pessoas; Desenvolver pessoas; Manter pessoas; Monitorar pessoas.

16 1) Processo de agregar pessoas São os processos utilizados para incluir novas pessoas na empresa. Exemplos: recrutamento e seleção

17 2) Processos de aplicar pessoas São os processos utilizados para desenhar as atividades que as pessoas irão realizar na empresa, orientar e acompanhar seu desempenho. Exemplos: descrição de cargos e avaliação de desempenho.

18 3) Processos de recompensar pessoas São os processos utilizados para incentivar as pessoas e satisfazer suas necessidades individuais mais elevadas. Exemplos: remuneração e recompensas

19 4) Processos de desenvolver pessoas São os processos utilizados para capacitar e incrementar o desenvolvimento profissional e pessoal das pessoas. Exemplo: treinamento.

20 5) Processos de manter pessoas São os processos utilizados para criar condições ambientais e psicológicas satisfatórias para as atividades das pessoas. Exemplos: administração da cultura e clima organizacionais.

21 6) Processos de monitorar pessoas São os processos utilizados para acompanhar e controlar as atividades das pessoas e verificar resultados. Exemplos: banco de dados e sistema de informações gerenciais.


Carregar ppt "Conceitos e objetivos da Gestão de Pessoas. Conceito de Gestão de Pessoas: A GP refere-se às políticas e práticas necessárias para administrar o trabalho."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google