A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 2. Condicionamento operante ou instrumental: Os comportamentos são mantidos pelas suas consequências. E.g. Thorndike (experiências com gatos) e Skinner.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 2. Condicionamento operante ou instrumental: Os comportamentos são mantidos pelas suas consequências. E.g. Thorndike (experiências com gatos) e Skinner."— Transcrição da apresentação:

1 1 2. Condicionamento operante ou instrumental: Os comportamentos são mantidos pelas suas consequências. E.g. Thorndike (experiências com gatos) e Skinner (experiências com ratos e pombos).

2 PUZZLE-BOX (THORNDIKE) 2

3 CAIXA DE SKINNER 3

4 4 CONCEITOS IMPORTANTES Reforço: aumenta a probabilidade de ocorrência de certos acontecimentos: –No condicionamento operante o reforço acompanha o acto. –Comportamento é reforçado pelas consequências que se lhe seguem. O que serve de reforço varia de indivíduo para indivíduo e no mesmo indivíduo varia com o momento.

5 5 REFORÇO POSITIVO Sempre que está presente a consequência do comportamento. Positivo não significa, necessariamente, agradável mas apenas que a consequência está presente. A consequência pode ser desagradável mas reforçar o comportamento.

6 6 REFORÇO NEGATIVO Sempre que a supressão da consequência aumenta a probabilidade de ocorrência do comportamento, ou seja, é reforçado o comportamento que evita consequências desagradáveis. Tipos de reforço negativo: –Condicionamento de fuga –Condicionamento de evitação

7 7 O Reforço pode ainda ser: Intrínseco - comportamento reforça-se por si mesmo Extrínseco - recompensas não fazem parte do comportamento - Primário – comportamento espontâneos - Secundário ou Social – comportamentos aprendidos Permanente – reforço acompanha todas as respostas correctas Intermitente ou Parcial – reforço acompanha apenas algumas respostas correctas

8 8 Os estudos mostram que quando se pretende ensinar um comportamento novo, o uso do reforço permanente é mais eficaz. Em comportamentos habituais que se pretendem manter é mais eficaz o reforço intermitente ou parcial. Assim é desejável para o ensino do comportamento operante a combinação: Reforço Contínuo Reforço Intermitente Num mesmo comportamento podem combinar-se diferentes reforçadores.

9 9 Dentro do Condicionamento Operante existem 4 programas parciais básicos: I. PROGRAMAS DE RAZÃO Programa de razão fixa O reforço ocorre após um nº definido e invariável de respostas correctas. Programa de razão variável O reforço ocorre após um nº variável de respostas correctas.

10 10 II. PROGRAMAS DE INTERVALO O aparecimento do reforço depende da passagem do tempo. Programa de intervalo fixo O período de tempo entre os reforços é constante. Programa de intervalo variável O período de tempo entre os diferentes reforços varia aleatoriamente em redor de um valor médio.

11 11 Conclusão: programas de razão i)Os programas de razão tendem a produzir uma percentagem global de respostas ligeiramente mais elevada que os de intervalo; programas variáveis programas fixos ii)Os programas variáveis produzem poucas pausas enquanto que os programas fixos produzem pausas mais longas, mas previsíveis (após o reforço). iii)Assim, normalmente estes programas combinam- se entre si

12 12 CONCEITOS IMPORTANTES PUNIÇÃO: ocorre quando um comportamento específico é acompanhado por uma consequência que reduz a sua frequência em situações semelhantes. TIPOS DE PUNIDORES : –Positivos ou Negativos – consoante se apresente o acontecimento consequente ou se suprima o adie o reforço que acompanha o comportamento; –Físicos ou Psicológicos –Punidores Potenciais – a consequência ou efeitos do procedimento aversivo não é bem conhecido –Intrínsecos ou Extrínsecos

13 13 PUNIÇÃO = REFORÇO Elimina o comportamento; Enfraquece a probabilidade de manter uma resposta. Mantêm o comportamento; Aumenta a probabilidade de manter uma resposta. Aquilo que funciona como punidor varia de indivíduo para indivíduo. O que para um indivíduo é punidor para outro pode ser um reforço. Por vezes as punições passam a reforços.

14 14 OUTROS CONCEITOS 1. Aquisição 2. Modelagem 3. Extinção 4. Recuperação espontânea 5. Generalização 6. Discriminação

15 15 CONDICIONAMENTO CLÁSSICO CONDICIONAMENTO OPERANTE PROCESSO DE APRENDIZAGEM -Os actos são desencadeados por acontecimentos imediatamente antecedentes. - Os comportamentos são mantidos pelas suas consequências. REFORÇO- Precede o acto.- Acompanha ou segue-se ao acto. MÉTODO- O acto é reforçado combinando-se inicialmente estímulos neutros e incondicionados. - O acto é reforçado pelas consequências que se lhe seguem. AQUISIÇÃO- Aparecimento da resposta condicionada por combinações do estímulo incondicionado com o estímulo condicionado. - Aparecimento do comportamento devido ao reforço representado pelas consequências do comportamento. EXTINÇÃO- O comportamento decresce ou desaparece por deixar de se relacionar o estímulo incondicionado com o estímulo condicionado. - O comportamento decresce ou desaparece por ser retirada a consequência que se lhe seguia. GENERALIZAÇÃO- Produção da resposta condicionada em situações semelhantes à do estímulo condicionado. - Produção do comportamento em situações semelhantes àquela em que se deu o condicionamento operante. DISCRIMINAÇÃO- Distinção entre estímulos (mesmo que semelhantes) reagindo apenas aos estímulos presentes durante o condicionamento. - Distinção entre situações em que os comportamentos são reforçados e situações em que o não são.


Carregar ppt "1 2. Condicionamento operante ou instrumental: Os comportamentos são mantidos pelas suas consequências. E.g. Thorndike (experiências com gatos) e Skinner."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google