A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES COLÉGIO LOYOLA Patrícia Quaresma Ragone Parte da palestra proferida no dia 09/08/11

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES COLÉGIO LOYOLA Patrícia Quaresma Ragone Parte da palestra proferida no dia 09/08/11"— Transcrição da apresentação:

1 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES COLÉGIO LOYOLA Patrícia Quaresma Ragone Parte da palestra proferida no dia 09/08/11 (31)

2 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Compreender a adolescência envolve conhecer as mudanças biológicas que o jovem vivencia, as tarefas evolutivas que ele tem para cumprir e as diversas transições pelas quais ele passa em muitas áreas da vida. Dentre essas transições, estão os novos aspectos da relação com os pais. Trata-se de uma fase que exige dos pais inteligência e habilidades específicas para entender as nuances da comunicação que os filhos estabelecem com o mundo, bem como para interagir de maneira saudável. Seguem algumas dicas para auxiliar os jovens e seus pais nos desafios dessa nova fase.

3 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES MENSAGEM AOS JOVENS Amadurecer pode ser bom (maior autonomia e liberdade); Todas as mudanças pelas quais você está passando são normais, você não é o único a passar por elas; Medos, preocupações, ansiedades, vergonha e tristeza são sentimentos próprios a esta fase. Procure partilhar com alguém de sua confiança; Mantenha uma comunicação efetiva com seus pais. Eles começarão a lhes dar mais privilégios quando perceberem que vocês podem administrá-los;

4 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Aprenda a conversar consigo mesmo; Tenha projetos de curto, médio e longo prazo. Para alcançar seus objetivos, formule metas concretas e em uma escala de dificuldades; Aglutine em torno de si pessoas que o ajudarão e desenvolva a reciprocidade; Zele pelas suas escolhas; Tome conta da sua auto-estima preciosamente, confie em suas possibilidades e tenha bem delineado o seu território pessoal; Lembre-se que você está no início do processo de sua identidade. Calma, tudo tem o seu melhor tempo!

5 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES MENSAGEM AOS PAIS A boa comunicação ultrapassa a simples transmissão de ideias. Significa, fundamentalmente, se comprometer com o que diz a outra pessoa e tentar uma aproximação (pág 99, RAGONE, 2009). Quanto mais prestarem atenção ao que seus filhos dizem, mais chances terão de serem ouvidos;

6 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Então, é preciso que os pais abram os ouvidos, os olhos, os corações e as mentes para que possam entender as manifestações por vezes estranhas de seus filhos. O que o adolescente quer não é se afastar abruptamente, mas simplesmente adequar algumas coisas. ( pág102, RAGONE, 2009); Não atribuir um caráter pessoal e permanente àquela necessidade de afastamento da família e indisposição típicas do adolescente; Respeitar o tempo que os jovens necessitam para fazer suas próprias descobertas. Mover-se com habilidade entre a necessidade pessoal de segurar e a vontade deles de serem livres e independentes;

7 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Quando seus filhos lhes trouxerem um problema, não reagir de forma dramática, como eles tendem a fazer, mas ensiná- los a pensarem de múltiplas formas; Tratar com delicadeza os assuntos do coração. Não rotule, não deprecie, não ridicularize; Estar sintonizados com os padrões dos seus filhos e dispostos a perguntar o que está acontecendo quando algo parecer errado; Valorizá-los pelo que eles realmente são e pelo que fazem, mesmo quando isso contrariar suas esperanças e sonhos; Dar poucas ordens, usando-as de forma positiva e evitando ameaças;

8 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Manter uma perspectiva de longo prazo no relacionamento com os adolescentes, baseando-o em uma história de encorajamento e aceitação, e não de controle e rejeição; Guardar as posições inflexíveis para problemas mais relevantes (por exemplo, drogas), e não para assuntos como a maneira de se vestir; Se sempre tentarem salvá-los, estarão lhes ensinando a não confiar nas suas próprias decisões e sabotando sua capacidade de aprender por meio dos erros; Dar sugestões, oferecendo condição para que o outro focalize diretamente os sentimentos para que possa encontrar os recursos mais eficazes para lidar com as dificuldades;

9 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Os adolescentes aprendem com nossas atitudes, e não com nossos sermões; Saber responsabilizar os jovens, encontrando o ponto de equilíbrio entre consolá-los e culpá-los, entre levá-los muito a sério e minimizar seus sentimentos; Encorajar as principais qualidades dos seus filhos; Manter uma perspectiva das dificuldades da fase; Diferenciar os níveis de resistência dos seus filhos;

10 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Durante uma discussão, recuar e se perguntar qual é mesmo o motivo deste conflito?; Permitir que eles se sintam livres para perguntar ou dizer o que quiserem. Crescer com a segurança de que são amados faz com que eles se tornem capazes de construir as suas vidas com otimismo e confiança; Usar elogios (procurando descrever de forma específica os comportamentos) e utilizar incentivos antes de punir; Não procurar ser muito sabido; Não tentar imitar os modismos, a linguagem e a conduta dos adolescentes;

11 LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES Exercitar-se na auto-análise; Ensiná-los a fazerem bons projetos, compartilhar da sua própria experiência; Regá-los com os valores essenciais e éticos; Usar o bom senso, ouvir a voz do coração; Praticar o exemplo e o perdão. Referência: Ragone, P.Q. (2009) Laços- contribuições da terapia cognitiva para as relações familiares. Belo Horizonte.


Carregar ppt "LAÇOS: UMA COMUNICAÇÃO POSSÍVEL ENTRE PAIS E ADOLESCENTES COLÉGIO LOYOLA Patrícia Quaresma Ragone Parte da palestra proferida no dia 09/08/11"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google