A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DROGAS DE ABUSO 1.Termos - Adicção: comportamento de abuso, uso compulsivo de uma substância, onde o indivíduo assegura-se do suprimento e apresenta grande.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DROGAS DE ABUSO 1.Termos - Adicção: comportamento de abuso, uso compulsivo de uma substância, onde o indivíduo assegura-se do suprimento e apresenta grande."— Transcrição da apresentação:

1 DROGAS DE ABUSO 1.Termos - Adicção: comportamento de abuso, uso compulsivo de uma substância, onde o indivíduo assegura-se do suprimento e apresenta grande tendência a recaída após a interrupção. - Dependência: estado fisiológico de neuroadaptação pela administração repetida de uma droga, que exige esta utilização repetida para evitar o aparecimento da síndrome de abstinência.

2 1. Termos - Tolerância: quando uma determinada dose da droga não é mais capaz de produzir o mesmo efeito. - Tolerância cruzada: quando uma outra droga é capaz de suprimir as manifestações de dependência física causadas pela droga original, mantendo o estado de dependência física. DROGAS DE ABUSO

3 1. Termos - Abstinência: são as reações psicológicas e fisiológicas adversas decorrentes da interrupção súbita da droga que produz a dependência. - Rebote: quando se utiliza uma droga (uso médico) e esta é interrompida inesperadamente, sendo assim, os sintomas voltam de forma exagerada. DROGAS DE ABUSO

4 1. Termos - Desintoxicação: é a redução lenta da droga que causa dependência e que causaria abstinência se fosse interrompida subitamente. - Recidiva: diabético (DMID). Se ele interrompe o tratamento com a insulina, ocorre uma recidiva do diabetes, pois há um aumento de glicose no sangue. DROGAS DE ABUSO

5 2. VIA NEURONAL DO REFORÇO E DA RECOMPENSA - É a via mesolímbica, a qual é estimulada pelo neurotransmissor denominado DOPAMINA. - A farmácia de DEUS. DROGAS DE ABUSO

6

7 2. VIA NEURONAL DO REFORÇO E DA RECOMPENSA - A farmácia de DEUS - O prazer é estimulado por várias vias naturais desde realizações intelectuais às atléticas, do desfrutar de uma sinfonia à sensação de um orgasmo. DROGAS DE ABUSO

8 2. VIA NEURONAL DO REFORÇO E DA RECOMPENSA - A farmácia de DEUS - Os estímulos da via mesolímbica que medeiam o prazer são: Morfina/heroína do próprio cérebro: endorfinas. Maconha do cérebro: anandamida. DROGAS DE ABUSO

9 2. VIA NEURONAL DO REFORÇO E DA RECOMPENSA - A farmácia de DEUS - Os estímulos da via mesolímbica que medeiam o prazer são: Nicotina do cérebro: acetilcolina. Cocaína/Anfetamina do cérebro: dopamina. DROGAS DE ABUSO

10 3. O problema - Como existem vários psicotrópicos na natureza e estes quando ingeridos em grandes quantidades levam a uma liberação maciça de dopamina na via mesolímbica. - Ocorre um GRANDE PRAZER. - Mas, um prazer diferente do produzidos pela dopamina natural do cérebro, pois as quantidades são diferentes. DROGAS DE ABUSO

11 3. O problema - Desta forma, o reforço e a recompensa são muito maiores com a utilização da droga. - Quando isso não acontece, ocorre a dependência, o vício e a busca por mais droga. - A partir deste momento, a volta a uma VIDA NORMAL é muito difícil e necessita de muito esforço. DROGAS DE ABUSO

12 4. Cocaína - Tem duas propriedades: anestésico local e inibidor dos transportadores de monoaminas. - Causa: irritação, ansiedade, paranóia, alucinações, taquicardia, hipertensão, hipertermia e depressão respiratória. DROGAS DE ABUSO

13 4. Cocaína - Mecanismo de ação Vídeo DROGAS DE ABUSO

14 5. Anfetaminas - Fenproporex e metanfetamina. - Possuem efeito sobre o neurônio dopaminérgico, promovendo a liberação maciça de dopamina. - Também atuam nos neurônios noradrenérgicos e serotoninérgicos, mas, mais fracamente. DROGAS DE ABUSO

15 5. Anfetaminas - Causam: alucinações, comportamento estereotipado, agressividade, ansiedade, euforia. - Mimetiza um quadro clínico de esquizofrenia ou psicose. DROGAS DE ABUSO Alucinações e pensamentos desordenados

16 5. Anfetaminas - Mecanismo de ação DROGAS DE ABUSO

17 6. BENZODIAZEPÍNICOS, BARBITÚRICOS E O ÁLCOOL - Os benzodiazepínicos são ansiolíticos e hipnóticos sedativos, denominados popularmente como CALMANTES. - Os barbitúricos são hipnóticos sedativos, não possuindo ação ansiolítica. - O álcool é um depressor do sistema nervoso central, é um verdadeiro calmante. DROGAS DE ABUSO

18 6. BENZODIAZEPÍNICOS, BARBITÚRICOS E O ÁLCOOL Por que os benzodiazepínicos induzem sonolência? DROGAS DE ABUSO AB

19 6. BENZODIAZEPÍNICOS, BARBITÚRICOS E O ÁLCOOL Por que o álcool e os barbitúricos, também, induzem sonolência? Vídeo DROGAS DE ABUSO

20 7. NICOTINA - É um alcalóide retirado da planta Nicotiana tabacum. - Na agricultura, a nicotina é usada como inseticida. DROGAS DE ABUSO

21 7. NICOTINA - Efeitos adversos - Nicotina: cardiovascular. Ou seja, promove uma elevação nas concentrações de adrenalina e noradrenalina, o que gera um quadro de aumento na frequência cardíaca, pressão arterial e vasoconstrição. Promove uma elevação do colesterol e aterosclerose precoce. DROGAS DE ABUSO

22 7. NICOTINA - Efeitos adversos: - Produção de monóxido de carbono. - Substâncias, tais como, fenóis, cresóis, acroleína e ácidos orgânicos, são irritantes e inibem os batimentos dos cílios do epitélio respiratório, induzindo enfisema, bronquite crônica e infecções pulmonares. DROGAS DE ABUSO

23 7. NICOTINA - Efeitos adversos: - Cânceres: induzido por substâncias cancerígenas, tais como, benzopireno e nitrosaminas. - Principais cânceres: Pulmões, cavidade oral, faringe, esôfago, entre outros. DROGAS DE ABUSO

24 7. NICOTINA - Efeitos adversos: - Gravidez: prejudica o desenvolvimento do feto, aumenta as chances de morte perinatal, abortos e descolamentos de placenta. - Inerfere na degradação de várias drogas, tal como, a warfarina (anticoagulante), prejudicando o tratamento. DROGAS DE ABUSO

25 8. Cannabis sativa - Na planta Cannabis sativa, os fitocanabinoides são encontrados principalmente na inflorescência e apenas traços nos ramos e caule. - Na raiz e sementes não são encontrados os fitocanabinoides. DROGAS DE ABUSO

26 8. Mecanismo de ação dos fitocanabinoides - Em 1990, foi feita a descoberta da existência de receptores canabinoides (CB) no SNC. - Receptores CB 1 : levam a uma diminuição da liberação de neurotransmissores, diminuindo a transmissão de sinais. DROGAS DE ABUSO

27 8. Mecanismo de ação dos fitocanabinoides - Os receptores CB 1 são abundantes nos gânglios basais (movimentos do corpo), cerebelo (controle motor), hipocampo (aprendizagem e memória)córtex cerebral (funções cognitivas) e núcleo accumbens (prazer). - Estão relacionados, também, com a diminuição da dor. DROGAS DE ABUSO

28 8. Mecanismo de ação dos fitocanabinoides - Os receptores CB 2 estão relacionados com a modulação do sistema imune e hematopoiético. - Os mecanismos dos efeitos euforizantes e de dependência são pouco conhecidos. - Há fortes indícios de que o THC promova o aumento de liberação de dopamina.. DROGAS DE ABUSO

29 FIM DROGAS DE ABUSO


Carregar ppt "DROGAS DE ABUSO 1.Termos - Adicção: comportamento de abuso, uso compulsivo de uma substância, onde o indivíduo assegura-se do suprimento e apresenta grande."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google