A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GESTÃO DO CONHECIMENTO. Gestão do Conhecimento Gestão do conhecimento é a construção sistemática, explícita e intencional do conhecimento e sua aplicação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GESTÃO DO CONHECIMENTO. Gestão do Conhecimento Gestão do conhecimento é a construção sistemática, explícita e intencional do conhecimento e sua aplicação."— Transcrição da apresentação:

1 GESTÃO DO CONHECIMENTO

2 Gestão do Conhecimento Gestão do conhecimento é a construção sistemática, explícita e intencional do conhecimento e sua aplicação para maximizar a eficiência e o retorno sobre ativos de conhecimento da organização. (Wiig, 1993) Gestão do conhecimento é a disponibilização do conhecimento certo para a pessoas certas, no momento certo, de modo que estas possam tomar as melhores decisões para a organização. (Petrash, 1996) Gestão do conhecimento é o processo de busca e organização da expertise coletiva da organização, em qualquer lugar em que se encontre, e de sua distribuição para onde houver o maior retorno. (Hibbard,1997) Gestão do conhecimento é o controle e o gerenciamento explícito dentro de uma organização, de forma a tingir seus objetivos estratégicos.(Spek & Spijkevert, 1997)

3 Gestão do Conhecimento Gestão do conhecimento é a formalização de experiências, conhecimentos e expertise, de forma que se tornem acessíveis para a organização, e esta possa criar novas competências, alcançar desempenho superior, estimular inovação e criar valor para seus clientes.(Beckman, 1999) Conhecimento Explícito: O conhecimento explícito pode ser transmitido por meio de linguagem formal, mas representa somente a ponta do iceberg de todo o corpo do conhecimento possível Conhecimento Tático: O conhecimento tático pode ser transmitido principalmente a partir do exemplo e da convivência, por estar profundamente enraizado na ação. O conhecimento é gerado na organização a partir de interações, contínuas e encadeadas, de quatro processos de transmissão de conhecimento: socialização, combinação, externalização e internalização.

4 Gestão do Conhecimento A gestão do conhecimento necessita de uma infra-estrutura de tecnologia da informação que facilite a coleta e o compartilhamento do conhecimento. Requer também softwares para distribuição da informação e para fazer com que ela tenha mais significado. Os sistemas de informação podem criar, capturar, compartilhar, distribuir o conhecimento.

5 Gestão do Conhecimento Criam com conhecimento Sistemas trabalhadores de conhecimento Ex.: CAD, Realidade virtual, estações de trabalho de investimento Capturam conhecimento Sistemas de inteligência artificial Ex.: Sistemas especialistas, Redes neurais, Lógica difusa, Algorítimos genéticos, Agentes inteligentes Compartilham conhecimento Sistemas de colaboração em grupo. Ex.: Groupware, intranets Distribuem o conhecimento Sistemas de escritório Ex.: Editores de textos, Digitalização de imagens, Calendários eletrônicos

6 Gestão do Conhecimento Modelo genérico de gestão do conhecimento

7 Etapas para gestão do conhecimento: Identificação Captura Seleção e validação Organização e armazenagem Compartilhamento: Acesso e distribuição Aplicação Criação Gestão do Conhecimento

8 Identificação: O processo de identificação pode ser desdobrado nas seguintes etapas: 1.Criação de uma agenda de competências essenciais voltadas tanto para os negócios existentes como para novos negócios, competências requeridas pelos negócios existentes e para novos negócios. 2.Identificação do gap entre competências existentes e competências necessárias. 3.Desdobramento de competências 4.Identificação das fontes internas e externas associadas as áreas de conhecimento mapeadas 5.Proposição de soluções para eliminar ou reduzir o gap entre competências existentes e competências necessárias. Gestão do Conhecimento

9 Captura: Que representa a aquisição de conhecimento, habilidades e experiências necessárias para criar e manter as competências essenciais e áreas de conhecimento selecionadas e mapeadas. Para que conhecimentos, habilidades e experiências, possam ser adequadamente utilizados, estes devem ser formalizados, explicitados e codificados. Neste sentido é importante conhecer as diversas fontes disponíveis, nas quais se pode efetivamente adquirir o conhecimento. Nesta fase é muito importante para adquirir o primeiro conhecimento adquirido. Gestão do Conhecimento

10 Seleção e validação,visa filtrar o conhecimento, avaliar sua qualidade e sintetizá-lo para fins de aplicações futuras. Vale a pena ressaltar que nem todo conhecimento gerado, recuperado ou desenvolvido deve ser armazenado na organização. Gestão do Conhecimento

11 Organização e armazenagem: visa garantir a recuperação rápida, fácil e correta do conhecimento, por meio de utilização de sistemas de armazenagem efetivos. Quanto mais se formalizar o conhecimento, mais eficaz será o processos de organização e armazenagem. Geralmente o repositório onde são armazenados as informações são sistemas computadorizados. Fazem parte desse repositório os seguintes tipos de estruturas de conhecimento: Banco de dados com imagens, textos, documentos, dados, casos, normas, procedimentos e modelos Gestão do Conhecimento

12 Compartilhamento: Acesso e distribuição Nesta questão o acesso torna-se ponto crítico do processo de compartilhamento. Para tal, o papel da tecnologia da informação e comunicação é incontestável. O uso de tecnologia é vital para a disponibilização e compartilhamento do conhecimento em larga escala, tornando-o disponível em qualquer parte, a qualquer tempo e em qualquer formato. No que diz respeito a distribuição se faz necessário a implantação de algum mecanismos capaz de disseminar o conhecimento automaticamente para os diversos interessados, de forma que um novo conhecimento ou informação seja rapidamente notificado a quem necessite. Gestão do Conhecimento

13 Aplicação: Ainda que os conhecimentos, experiências e as informações estejam disponíveis e sejam compartilhados, é fundamental que sejam utilizados e, além disso, aplicado a situações reais da organização, de modo a produzir benefícios concretos: melhoria de desempenho; lançamento de novos produtos; conquista de novos mercados. Cabe destacar a importância de se registrar as lições aprendidas com a utilização do conhecimento, os ganhos obtidos e os desafios a serem ainda vencidos. Gestão do Conhecimento

14 Criação: O processo de criação inicia-se com o compartilhamento do conhecimento tático, para que o conhecimento individual inexplorado possa ser amplificado dentro da organização. Na segunda etapa, o conhecimento tático compartilhado é convertido em conhecimento explicito na forma de um novo conceito. O conceito criado precisa, então, ser justificado na terceira fase, na qual a organização determina se vale realmente à pena validar o novo conceito. Na quarta fase, uma vez validados, os novos conceitos são convertidos em um protótipo. A última fase amplia o conhecimento criado por uma equipe ou indivíduos da organização para outras equipes internas ou até para elementos externos constituindo-se na difusão interativa do conhecimento. Gestão do Conhecimento

15 Fatores que influenciam na facilidade da gestão do conhecimento: Liderança Cultura organizacional Medição e avaliação Tecnologia da informação Liderança – Sem o aval, o compromisso e o direcionamento por parte da liderança corporativa, a eficácia da gestão do conhecimento fica prejudicada. Gestão do Conhecimento

16 Cultura organizacional: Deve-se considerar que a cultura coorporativa deve existir para que o alto desempenho, o foco no cliente, o foco em melhoria, o foco na excelência, o alto grau de flexibilidade, o nível elevado de competência e conhecimento, as altas taxas de aprendizagem e inovação, o autogerenciamento, a proatividade e a visão de futuro estejam presentes na organização. Medição e avaliação: Devem ser medidos e acompanhados o desempenho, o comportamento e as atitudes, para poder efetuar-se o devido reconhecimento e a recompensa dos colaboradores. Bons métodos de medição e acompanhamento permitem melhor o foco nas ações, facilitam o atingimento de metas e permitem melhor definições de padrões. Tecnologia da informação: O seu uso é vital para a disponibilização e compartilhamento do conhecimento em larga escala, tornando-o acessível em qualquer parte, a qualquer tempo e em qualquer formato. Gestão do Conhecimento


Carregar ppt "GESTÃO DO CONHECIMENTO. Gestão do Conhecimento Gestão do conhecimento é a construção sistemática, explícita e intencional do conhecimento e sua aplicação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google