A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Paulo Freire Elaboração: Helena Oliveira Neves Escola Est. Ens. Médio André Leão Puente Professora Bibliotecária Clique com o mouse.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Paulo Freire Elaboração: Helena Oliveira Neves Escola Est. Ens. Médio André Leão Puente Professora Bibliotecária Clique com o mouse."— Transcrição da apresentação:

1

2 Paulo Freire Elaboração: Helena Oliveira Neves Escola Est. Ens. Médio André Leão Puente Professora Bibliotecária Clique com o mouse

3 Currículo ou listas de conteúdos: Precisamos avaliar Refletir Rever

4

5 “Ensinar exige a convicção de que a mudança é possível”

6 A docência precisa propor ou oferecer modelos e ao mesmo tempo pesquisar e ensinar.

7 Produção de conhecimento X Transmissão de conhecimento

8 Inteligibilidade e Intersubjetividade

9

10

11 A pedagogia freireana propõe a reconstrução dos afetos, das competências dos tempos e espaços, da transformação da vida, do homem e do mundo.

12 A luta do professor, hoje, deve ser pela qualificação social do espaço pedagógico.Para que seja inovativo na crítica, na criatividade, na clareza política, na construção de sonhos inéditos e viáveis.

13 Qual é o espaço escolar ?

14 Será um espaço de possibilidades?

15 Será um espaço de padronização dos currículos educacionais?

16 Será pacotes incluindo provas, provões?

17 Não só falamos em educação, e sim fazemos educação pela fala, pelo rosto, pelo gesto...

18 Como Paulo Freire pode nos ajudar na transformação do currículo?

19 Currículo não é uma relação de conteúdos. de conteúdos.

20 Paulo Freire era contra ordenamentos lógicos ordenamentos lógicosfragmentares dos saberes e da vida. dos saberes e da vida.

21 Paulo Freire mostrou-se contra

22 Currículos compartimentados

23

24

25 petrificados CURRÍCULOS

26 mortos CURRÍCULOS

27 Alheios às experiências existenciais

28 Paulo Freire não nos aconselharia construir grades curriculares

29 Segundo Paulo Freire, o núcleo do conhecimento deve voltar-se para os sujeitos da ação educativa os sujeitos da ação educativa e não para os conteúdos. e não para os conteúdos.

30 O núcleo do conhecimento deve recuperar o sujeito, recuperando o amor para que a vida continue...

31 ...todo o conhecimento é humano...”

32 Ênfase aos sujeitos de ação na educação e não nos conteúdos da ação educativa.

33

34 Queremos formar sujeitos cognoscentes ; sujeitos que entendam a si mesmos e expressem o mundo...

35 Temos que recuperar o amor para que assim a vida continue seu curso...

36 Estamos marcados pela cultura!!!

37 Paulo Freire defende a ideia de que o espaço entre o “eu” e o “universo” é mediatizado pelo “meu / nosso mundo”.

38 “mundo” círculos culturais de relacionamentos sociais”. Um “mundo” que em meu cotidiano se realiza através de círculos culturais de relacionamentos sociais”.

39 A cultura de sujeitos éticos, estéticos, de memória; a humanização.

40

41 Foi-se o professor que apenas dava aula;

42 Todo aquele que dá aula, que repensa e pesquisa, é educador.

43 Ninguém melhor que o educador para refletir, se recomendar, se desarrumar, estudar e se refazer,

44 “... o educador é um permanente aprendente”.

45 “Um professor pesquisador-em-ação não pode ser não pode ser um simples técnico um simples técnico que aplica estratégias e rotinas aprendidas nos anos de sua formação acadêmica”. formação acadêmica”.

46 O educador educador normalmente escolhe o conteúdo programático programático; os educandos, jamais ouvidos nesta escolha, se acomodam acomodam a ele.

47 projetos, quanto podem ter projetos para o mundo”. “A educação tem sentido porque o mundo não é necessariamente isto ou aquilo, porque os seres humanos são tão projetos, quanto podem ter projetos para o mundo”.

48 é aprendendo que se fazem e se refazem, de saber que sabem, de saber que não sabem.” “A educação tem sentido porque mulheres e homens aprenderam que é aprendendo que se fazem e se refazem, porque mulheres e homens se puderam assumir como seres capazes de saber, de saber que sabem, de saber que não sabem.”

49 saber melhor o que já sabem, de saber o que ainda não sabem”. “...porque mulheres e homens se puderam assumir como seres capazes de saber melhor o que já sabem, de saber o que ainda não sabem”.

50 Paulo Freire afirmou que grande parte das dificuldades, dos problemas que nós temos, está na formação do professor e da professora, no ponto de vista científico...

51 Diante desta questão, como nós vemos e o que estamos buscando para superar esta realidade...

52 Realizo a minha missão como educador dando aos estudantes a possibilidade de argumentarem com as idéias do meu discurso”. “Realizo a minha missão como educador quando, lutando para convencer os discípulos da revelação da verdade, eu próprio me torno transparente, dando aos estudantes a possibilidade de argumentarem com as idéias do meu discurso”.

53 “Realizo a minha missão como educador quando, finalmente, manifesto a minha tolerância com aqueles que são diferentes de mim.”

54 “Os professores não ensinam apenas conteúdos. Através da sua prática também ensinam como pensar criticamente”.

55 ...Se somos progressistas, então ensinar, para nós, não é depositar pacotes de conteúdo na consciência vazia dos alunos”.

56

57

58

59

60

61

62

63

64

65

66

67

68


Carregar ppt "Paulo Freire Elaboração: Helena Oliveira Neves Escola Est. Ens. Médio André Leão Puente Professora Bibliotecária Clique com o mouse."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google