A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Novos Modelos de Empresas. 1 - Sobre a TWISY TRAVEL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Novos Modelos de Empresas. 1 - Sobre a TWISY TRAVEL."— Transcrição da apresentação:

1 Novos Modelos de Empresas

2 1 - Sobre a TWISY TRAVEL

3 Informações sobre a estratégia do negócio TWISY, acrônimo para The World is Yours, é uma agência de viagens destinada a atender os públicos A e B, com os mais variados gostos de entretenimento. -TWISY Travel: unidade designada para vender pacotes de viagens tradicionais. -TWISY Sports: unidade de negócio completamente focada para o turismo a eventos esportivos. O departamento é fundamental em nível estratégico pois é o grande diferencial da empresa, ou seja, além de fazer o trivial, a companhia oferece viagens não vendidas pela concorrência. -TWISY Party: unidade de negócio voltada a pessoas que gostam de badalação. Viagens a grandes show e eventos culturais ao redor do planeta são o objeto deste braço da empresa. A exemplo do braço esportivo, esta unidade de negócio tem como principal função trazer inovação ao mercado, haja vista que não há agências especializadas neste tipo de turismo -TWISY Corporate: unidade de negócios destinada a atender empresas em seu dia a dia no tocante à organização de viagens de negócios bem como recepção de clientes e funcionários provenientes do exterior.

4 Informações sobre a operação do negócio ESPORTES: Grandes eventos esportivos impulsionam o desenvolvimento do esporte no BRASIL: Olímpiadas 2016; Copa do Mundo 2014; Estímulos por canais de TV à Cabo e Internet: Hockey; Basquete; Futebol Americano; FESTAS: Festas de grande porte ao redor do mundo (Ibiza, Mikonos, etc) DIVULGAÇÃO: Entre os 10 países de onde mais se originam turistas para o Brasil, divulgação pela internet é o segundo meio que mais se dissemina o nome do país. TURISMO DE NEGÓCIOS O desenvolvimento econômico do país e principalmente a inserção da cidade de São Paulo como uma das maiores cidades do mundo, faz com que o país tenha um dos principais pontos empresariais, desenvolvendo assim o turismo empresarial no país.

5 Após um ano de preparo e estudo a empresa foi fundada em 28 de janeiro de 2010 por seus sócios Guilherme Goes e Hugo Ruano. Atualmente a organização conta com os dois sócios como funcionários, os quais desempenham todas as funções do dia a dia. Hoje, as tarefas são divididas da seguinte forma: Sócio I - Marketing - definição de estratégias de penetração - opções por melhores mídias - desenvolvimento de novos produtos - Captação de clientes - Atendimento a clientes - Desenvolvimento de fornecedores

6 Sócio II - Financeiro - relacionamento com contador - serviços de banco (fechamento de câmbio e manutenção de conta bancária) - controle do fluxo de caixa - Captação de clientes - Atendimento a clientes - Desenvolvimento de fornecedores Além disso, a fim de se aumentar a captação de clientes e estimular a entrada de novos funcionários na empresa, pessoas conhecidas dos dois sócios, as quais estão descontentes em seus trabalhos ou estão até mesmo desempregadas, atuam hoje como “representantes de vendas”. De acordo com o seu desempenho na captação de novos negocios, no futuro alguns poderão vir a se tornar executivos da empresa.

7 2 - Cenário global sobre o turismo mundial e sua interdependência com o crescimento da economia

8 Turismo é uma atividade de demanda, associada ao consumo, sendo seu desempenho fortemente influenciado pelo crescimento no nível de renda dos consumidores efetivos e dos demandantes potenciais. Este setor da empresa emprega cerca de 231 milhões de pessoas e gerando mais de 10,4% do PIB mundial. Segundo dados da Organização Mundial de Turismo (OMT), entre 2000 e 2008, as viagens internacionais cresceram 4,2% ao ano, alcançando o total de 922 milhões de turistas em 2008, gerando uma renda de aproximadamente US$ 5 trilhões (Fonte: OMT. World Tourism Barometer. Madri, v. 7, n. 2, junho 2009). Gráfico 1- Comportamento do Fluxo Turístico Internacional Fonte: Organização Mundial do Turismo – OMT

9 A correlação positiva entre o crescimento da economia mundial e o crescimento do turismo internacional pode ser observada no Gráfico 2. Apesar da maior volatilidade da taxa de crescimento do turismo, os períodos de crescimento da economia mundial coincidem com os períodos de aumento do fluxo turístico internacional. FATORES QUE CONTRIBUÍRAM PARA DIMINUIR O CRESCIMENTO DO TURISMO (08-10): Crise financeira 2008: interrompeu o crescimento do setor do turismo mundial. Gripe H1N1: contribui para o arrefecimento da demanda do turismo em algumas regiõe do mundo. Gráfico 2 - Taxa de Crescimento do Turismo Mundial e da Economia Mundial – 2008 Fonte: Organização Mundial do Turismo – OMT - e Fundo Monetário Internacional - FMI

10 3 - Informações sobre o Ambiente

11 - Economia: Desenvolvimento positivo do país; Estabilidade cambial; Melhoria no índice de Desemprego; Melhoria do poder aquisitivo; Acesso ao crédito. - Infra-estrutura: Turismo associado à locais com boa infraestrutura. - Cultural: A educação da população e o preparo pra receber pessoas de diferentes cultura; -Político-legal: Legislações favoráveis que estimulem o setor fomentam o turismo. - Político Externo: A estabilidade da política externa tem influência direta sobre câmbio e, principalmente, sobre o desejo de se viajar.

12 Perspectivas para 2010 e Fatos PIB 2009 : <0,00% Renda Média: aumento de 2,8% em 2008; Impactos da Crise Mundial fizeram com que houvesse retração no turismo empresarial; PIB 2010: 5,2% (previsão); PIB 2011: 5,3% (previsão); Continuação do aumento de renda média para os próximos anos; Retomada econômica de grandes países do 1º Mundo; Amadurecimento do PNT (Plano Nacional de Turismo)

13 Aspectos Políticos/Legais Exigência de Visto para Americanos (impedimento de maior número de turistas) – Política de Reciprocidade. De acordo estudo da ABAV, a extinção desta exigência aumentaria em 30% a quantidade de turistas.; Problemas de Infra-Estrutura -> Avaliações negativas dos estrangeiros que visitam o Brasil. Problemas de Segurança Pública -> Avaliações negativas dos estrangeiros que visitam o Brasil Aspectos Econômicos Crise Mundial; Variação Cambial;

14 Aspectos Sociais/Ambientais Violência Aspectos Tecnológicos Problemas de Telecomunicações (Internet lenta e fraca); Rede de comunicação celular com cobertura insuficiente.

15 FATORES CHAVE: Agências reguladoras que promovam e beneficiem os locais receptores; Grande quantidade de mão-de-obra; Grande investimento de dinheiro; Interesse das pessoas; Interesse dos locais turísticos;

16 4.0 Ambiente Externo

17

18 INFLUÊNCIA DE OUTROS SETORES O Setor de Entretenimento está diretamente relacionado ao setor de Transporte e, assim, com a sua falta de infra-estrutura. Dessa maneira, pode-se inferir que com os próximos eventos esportivos o setor dos Transportes irá passar por uma transformação como nunca vista antes. Há uma necessidade iminente de mudanças drásticas neste quesito, tendo em vista que este setor não possui a mínima infra-estrutura para recebermos os competidores e turistas de todas as nações. Ao Relacionarmos o Setor do Entretenimento com o Setor de Finanças podemos observar que o primeiro depende inteiramente do segundo. Quanto maior for o aumento do poder aquisitivo da população maior será a tendência de expansão deste setor. Toda e qualquer alteração na política monetária nacional trará uma significativa modificação no quesito Entretenimento, podendo esta ser benéfica ou não. O fator mais significativo hoje seria a variação cambial, a qual está estritamente relacionada com o setor do Turismo.

19 INFLUÊNCIA DE OUTROS SETORES Com todos os próximos eventos esportivos e o com a política externa adotada pelo nosso governo, devemos notar que o Brasil tem estado cada vez mais dentre os roteiros turísticos mais visitados, ou seja, nota-se que o consumo tem aumentado de maneira expressiva trazendo consigo um reflexo expressivo no Setor do Varejo. Quanto ao setor Alimentício, haverá logicamente um reflexo significativo diante de tantos eventos com tamanha magnitude. Haverá, sim, uma crescente demanda e uma grande mudança neste setor influenciado pelas exigências de um novo público que surgirá. Sobre as Commodities, pode-se observar que o nível de investimento deverá sofrer um aumento significativo tendo em vista que com a chegada dos eventos esperados, produtos chamados de commodities, especialmente os relativos à construção civil, serão demandados em excesso.

20 INFLUÊNCIA DE OUTROS SETORES - Tecnologia Como influência da Tecnologia de Informação no turismo temos 3 pontos a serem observados: 1) Tecnologia de base; 2) Internet e provedores de aplicações; 3) Visão brasileira

21 Novos Modelos de Negócio – “Agências On-Line” Tendência: Estrutura VIRTUAL: Fornecedores de Informação; Serviços Eletrônicos de Reservas; Agentes Eletrônicos Marketplaces Eletrônicos; Serviços de Comparação Baixo capital de investimento; Disponível 24/7; Agências On-lineAgências Tradicionais Competências principais centradas em Tecnologia Competência principal centrada nos Recursos Humanos Densidade de Informação Disponibilidade de recursos ilimitados em tempo e espaço. Oferta de produtos flexíveis e modulares Horário Flexível Orientação e consultoria Assistência pós-venda

22 5.0 Análise SWOT

23

24 6.0 Matriz Importância x Desempenho

25

26 7.0 Gestão, Tecnologia e Pessoas

27 GESTÃO Ambos os sócios da TWISY – sua única força de trabalho até agora – são inexperientes no ramo do turismo, o que pode trazer dificuldades no começo. Porém, possuem uma grande capacidade de aprendizado e energia para superar os desafios deste mercado. Por ter alguns meses de existência a TWISY não possui processos bem definidos. O próprio modelo do negócio não permite a seus líderes executar tal tarefa, neste instante. Para a empresa se manter e crescer, deverá buscar a criação destes. A TWISY foca uma operação de baixo custo, porém, não abrindo mão de qualidade, eficiência e flexibilidade.

28 TECNOLOGIA Atualmente a TWISY não conta com sistemas sofisticados para administração e venda de reservas. No mercado, é muito comum, para pequenas e médias agências, o uso de redes compartilhadas de agências que se unem para buscar uma maior competitividade no setor. Interessante ressaltar que estas parcerias mantêm as características de gestão de cada um de seus integrantes, pois eles não trocam participações entre suas empresas, mas sim, se juntam para um interesse comum. A infra-estrutura de TI da TWISY deverá ser sempre revista, visando dar-lhe condições de manter-se um passo à frente de seus principais concorrentes.

29 PESSOAS Atualmente, a TWISY possui a força laboral apenas de seus sócios. Como visto no item 6.1, as agências tradicionais têm na capacitação e grau de escolaridade de seus colaboradores (em sua grande maioria, turismólogos) a competência principal de seu negócio. A TWISY, com o passar dos anos deverá usar deste mesmo artifício, afinal, trata- se de uma empresa profissional de Turismo. Além disso, deve se certificar de contar com uma série de agentes “free-lancers” serão responsáveis pela multiplicação de boas recomendações e, até mesmo, agirão como “representantes de venda” em seus círculos sociais

30 8.0 Estratégias

31 ESTRATÉGIA Como vimos, a TWISY nasceu para explorar alguns nichos de mercado, como o turismo esportivo e turismo de diversão de luxo (festas), porém, até se consolidar como líder, deverá fortalecer todas as suas unidades de negócio, em especial a do ramo corporativo. Melhoria da competitividade; Fidelização de clientes; Aumentar a captação de clientes corporativos (Pessoas Jurídicas); Buscar condições de financiamento para os pacotes; Evidenciar qualidade no atendimento.

32 9.0 Ações Propostas

33 DIVERSIFICAÇÃO/AGREGAÇÃO DE VALOR Nesse segmento de mercado diversificar é o ponto delimitador da barreira entre ser um empresário comum ou de sucesso, já que o processo de apenas atender o cliente já é feito por todas as demais empresas desse segmento. Com isso, uma das formas que o empresário encontra é a de primar pela qualidade da prestação de serviços de sua empresa (item obrigatório, não se trata de diversificação). Assim, torna-se mais fácil a implementação de outros pontos relacionados à diversificação, como segue: a) Trabalhar com a fidelização de clientes, de forma que a prestação de serviços por parte da agência de viagens gere em seu público consumidor confiança, respeito e, acima de tudo, responsabilidade sobre os produtos que são comercializados pela empresa, sendo o ideal para mensurar esse item manter um forte acompanhamento de pós-venda;

34 b) Manter sempre atualizada a pesquisa de satisfação com a clientela, no que tange a ofertas de produtos, serviços e respectivos preços; c) Manter um banco de dados de todos os seus clientes atuais e futuros (possíveis clientes), possibilitando assim o envio de ofertas promocionais; d) Inovar sempre, oferecendo produtos novos para a sua base de clientes e também ao público em geral, via propaganda online; e) Manter relacionamento com operadora de turismo de ponta e exclusividade com fornecedores diretos do exterior para se pular etapas na cadeia de fornecimento; f) Implementar um contínuo ciclo de treinamentos e capacitação de seu quadro de servidores, buscando com isto melhoria contínua na qualidade dos serviços e estreitando, de forma respeitosa, dos laços de relacionamento junto aos clientes;

35 g) Oferecer atendimento em mais de um idioma; h) Ser criativo na elaboração de roteiros e produtos que denotem os atrativos turísticos da região de atuação da agência de viagem; i) Ter e manter amplos conhecimentos do mercado nacional e internacional; j) Demonstrar capacidade de captação de clientes pessoas jurídicas, mantendo exclusividade na vendas de passagens, hospedagem e outros serviços requeridos por tais clientes.

36 10.0 Resultados Esperados

37 Para o final de 2010 é esperado que a empresa seja reconhecida pela excelência em seus serviços e, principalmente, pela atuação no segmento esportivo impulsionado pela Copa do Mundo de 2010 na África do Sul. A expectativa é que a empresa já seja referência neste segmento ao término deste ano.

38 Obrigado !!!


Carregar ppt "Novos Modelos de Empresas. 1 - Sobre a TWISY TRAVEL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google