A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INTRODUÇÃO Para atingir altos níveis de Produtividade uma empresa de marcenaria deve considerar todas as etapas que envolvem desde o atendimento ao cliente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INTRODUÇÃO Para atingir altos níveis de Produtividade uma empresa de marcenaria deve considerar todas as etapas que envolvem desde o atendimento ao cliente."— Transcrição da apresentação:

1 INTRODUÇÃO Para atingir altos níveis de Produtividade uma empresa de marcenaria deve considerar todas as etapas que envolvem desde o atendimento ao cliente até a entrega da encomenda. Veja como é possível é possível extrair o máximo de informações a fim de tornar a produção mais eficiente, enxugando custos, garantindo prazos e a máxima qualidade do produto. Especial Dicas de Produtividade

2 VENDA DO PRODUTO Verifique quais são as reais necessidades do cliente De acordo com o uso do produto ou ambiente serão especificados os materiais e acabamentos para o projeto. Uma linha econômica é ideal para aquele cliente que não pretende permanecer muito tempo no imóvel (recém-casados, de estudantes ou moradores que ocuparão o local por tempo pré-determinado e etc.) Especial Dicas de Produtividade

3 VENDA DO PRODUTO Verifique quais são as reais necessidades do cliente Em locais de uso frequente, como hotéis e espaços públicos demandam soluções mais focadas na durabilidade. Nestes casos a relação custo X benefício dos materiais e serviços deve ser justificada para o cliente, pois interfere diretamente na produtividade. Especial Dicas de Produtividade

4 VENDA DO PRODUTO Verifique como e onde será entregue o produto A forma e o local de entrega são preponderantes na elaboração de custos e na produtividade. Muitos marceneiros se deparam com dificuldades na hora da entrega por falta de planejamento e com isto aumentam o tempo de permanência na obra, derrubando a produtividade. Especial Dicas de Produtividade

5 PROJETO Verifique se existe documentação suficiente para fabricar o produto. Se a encomenda for produzida a partir do projeto de um arquiteto/decorador, é preciso conferir se todas as informações estão disponíveis. Além das medidas devem constar informações sobre ferragens, acabamentos, acessórios e etc. Especial Dicas de Produtividade

6 PROJETO Verifique se existe documentação suficiente para fabricar o produto. Para evitar problemas é importante que o arquiteto (ou profissional responsável pelo projeto) assine os desenhos. Caso seja necessária alguma modificação no projeto, esta também deve estar assinada. Especial Dicas de Produtividade

7 PROJETO A leitura do projeto muitas vezes se torna um inimigo da produtividade. Muitos profissionais encontram dificuldades para entender desenhos mal elaborados, sem medidas e especificações. A função do projetista é documentar tudo o que será necessário para a produção e o marceneiro deve estar apto a ler estes projetos. Especial Dicas de Produtividade

8 PROJETO No projeto devem constar todas as informações sobre ferragens, acabamentos, acessórios e etc. Especial Dicas de Produtividade

9 PROJETO Para facilitar a leitura dos projetos utilize as “vistas explodidas” Especial Dicas de Produtividade

10 PROJETO O marceneiro pode sugerir modificações na forma de construção do móvel ou a substituição das matérias primas como forma de reduzir custos mantendo a qualidade. Porém estas modificações devem ser negociadas com o cliente ou arquiteto, visando sempre a manutenção do projeto original. Especial Dicas de Produtividade

11 UTILIZE O PROJETO COMO UM ALIADO DA PRODUTIVIDADE Especial Dicas de Produtividade

12 CUSTEIO DA PRODUÇÃO Verifique quais são os custos para produzir o móvel e garantir seu lucro. CUIDADO COM A FÓRMULA Matéria-prima X 3 1/3 = matéria-prima 1/3 = mão de obra 1/3 = lucro do marceneiro Especial Dicas de Produtividade

13 CUSTEIO DA PRODUÇÃO Quando o valor da matéria-prima ou da mão de obra não é equivalente a 1/3 do preço final, a margem de lucro é diminuída. Neste tipo de cálculo não são considerados os custos indiretos de produção, comprometendo o lucro da marcenaria. Especial Dicas de Produtividade

14 CUSTEIO DA PRODUÇÃO Para garantir ainda mais precisão à Planilha de Custeio, você pode lançar 20% a mais sobre o valor das chapas e painéis. Esta correção serve para cobrir custos de perdas e sobras de material, já apontada nos programas de Plano de Corte. Especial Dicas de Produtividade

15 PRODUÇÃO Verifique se há meios de produzir com qualidade e segurança. Para cada equipamento existem especificações de uso e segurança a fim de se obter os melhores índices de produtividade. Especial Dicas de Produtividade

16 PRODUÇÃO Nas serras esquadrejadeiras devem ser utilizados discos de corte específicos para cada material (MDF, MDP, compensados e etc.) Cada disco apresenta uma geometria de corte, numero de dentes, dureza e rotação específicos. Especial Dicas de Produtividade

17 PRODUÇÃO É importante observar o ciclo de afiação dos discos de serra, fresas e outras ferramentas, lançando esta despesa no rateio dos custos de produção. Trabalhar com discos de serra sem afiação adequada compromete o corte e desperdiça materiais, gerando retrabalhos e prejuízos. Especial Dicas de Produtividade

18 PRODUÇÃO Os acidentes de trabalho também podem comprometer a produtividade. Um trabalhador afastado por acidente prejudica o andamento do trabalho, gera atrasos e despesas diversas. Cuidados com a segurança garantem o bom andamento da produção e a qualidade do serviço. Especial Dicas de Produtividade

19 PRODUÇÃO Existem dispositivos que podem ser incorporados facilmente aos equipamentos de marcenaria para oferecer mais segurança: - Protetores de disco (coifa) - Molas de segurança - Guia de corte paralela - Guia de corte auxiliar para sobras - Sarrafo auxiliar - Aspiradores acoplados aos equipamentos de corte Especial Dicas de Produtividade

20 Dicas de regulagem para serras: - Use a lâmina na serra na altura certa para a operação, nunca mais alta que o necessário - Verifique a precisão de deslizamento do carrinho esquadrejador para evitar vibrações - Verifique a regulagem dos batentes paralelos Especial Dicas de Produtividade

21 Dicas de regulagem para serras: - A rotação do eixo da ferramenta deve ser compatível com a velocidade de corte - Evite contra-golpes das peças que estão sendo cortadas - Desligue sempre o equipamento quando não o estiver usando Especial Dicas de Produtividade

22 Outras dicas - Nas coladeiras de borda automáticas é preciso dosar a temperatura da cola com a pressão do equipamento para evitar retrabalhos e perda de produtividade - O tipo de adesivo deve ser observado de acordo com a fita utilizada e superfície de colagem Especial Dicas de Produtividade

23 Outras dicas - A limpeza e lubrificação adequadas das coladeiras devem seguir sempre às recomendações dos fabricantes - Nas tupias, o uso de gabaritos facilitam a operação e possibilitam a utilização do avanço automático (para repetição de operações) Especial Dicas de Produtividade

24 Por excesso de confiança ou descuido, muitos profissionais acabam abrindo mão do uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), fundamentais para garantir a integridade física do marceneiro: - Protetor auricular ou abafador de ruído - Óculos de proteção - Máscaras Especial Dicas de Produtividade


Carregar ppt "INTRODUÇÃO Para atingir altos níveis de Produtividade uma empresa de marcenaria deve considerar todas as etapas que envolvem desde o atendimento ao cliente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google