A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo de Gestão GESTÃO DE EMPRESAS Semana 4 Estratégia de Produção.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo de Gestão GESTÃO DE EMPRESAS Semana 4 Estratégia de Produção."— Transcrição da apresentação:

1 Grupo de Gestão GESTÃO DE EMPRESAS Semana 4 Estratégia de Produção

2 Papel Estratégico e Objetivos da Produção Contribuição da produção para a organização : 1. Que parte se espera que ela realize dentro da empresa ? 2. Quais objetivos de desempenho específicos utilizados pela empresa para avaliar a contribuição da produção em suas aspirações estratégicas ?

3 1. Apoio para estratégia empresarial : Desenvolver seus recursos para que forneçam as condições necessárias para permitir que a organização atinja seus objetivos estratégicos. - Produção, tecnologia, funcionários e sistemas e procedimentos apropriados para sua estratégia competitiva.

4 2. Apoio para implementação da estratégia empresarial : A maioria das empresas possui algum tipo de estratégia, mas é a produção que a coloca em prática. - Mesmo a estratégia mais original e brilhante pode tornar-se totalmente ineficaz por uma função produção inepta.

5 3. Apoio para impulsão da estratégia empresarial : Diferentes partes da empresa causam efeitos diferentes na habilidade de uma empresa prosperar. - todas as coisas que promovem sucesso a longo prazo decorrem direta ou indiretamente da função produção.

6 Avaliação da Contribuição da Função Produção da Empresa Modelo de quatro estágios (Profs. Hayes, Wheelwright e Chase, Harvard e Southern California) Estágio 1 – Neutralidade interna - a produção é considerada um « mal necessário »; - não contribui para a eficácia competitiva da empresa; - o melhor que a função pode esperar é ser ignorada; - aspira apenas atingir padrões mínimos aceitáveis; - tenta ser internamente neutra, não procura atingir algo positivo, evitando erros maiores.

7 Estágio 2 – Neutralidade Externa - a função produção começa a comparar-se com empresas e organizações similares; - a função produção não estará prejudicando a empresa; - não é muito criativa, mas adotará a « melhor prática » de suas concorrentes, tentando ser « externamente neutra ».

8 Estágio 3 – Apoio Interno - a função produção atingiu a « primeira divisão » em seu mercado; - a empresa vê a função produção como provedora da base para seu sucesso competitivo futuro; - a produção está tentando dar « apoio interno » ao fornecer uma estratégia com credibilidade

9 Estágio 4 – Apoio Externo -aspira ser a melhor, organiza e desenvolve os recursos de produção para superar as deficiências que impedem a empresa de concorrer eficazmente. -pode não ser a melhor mas está junto às melhores empresas em todos os aspectos de desempenho.

10 Satisfazer as necessidades dos consumidores: Cinco Objetivos de Desempenho Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custo

11 Objetivo Qualidade Bom desempenho de qualidade em uma operação não apenas leva à satisfação de consumidores externos. Também torna mais fácil a vida das pessoas envolvidas na operação. Qualidade reduz custo Qualidade aumenta a confiabilidade

12 Qualidade pode significar: Supermercado Os produtos estão em boas condições A loja é limpa e organizada A decoração é adequada e atraente Os funcionários são corteses, amigáveis e solícitos

13 Objetivo Rapidez Rapidez significa quanto tempo os consumidores precisam esperar para receber seus produtos ou serviços. Na operação: - Rapidez reduz estoques - Rapidez reduz o risco

14 Rapidez pode significar: Supermercado O tempo envolvido na transação total (chegada, compras, pagamento, retorno para casa) é mínimo Imediata disponibilização de bens

15 Objetivo Confiabilidade Confiabilidade significa fazer as coisas em tempo para os consumidores receberem seus bens ou serviços quando foram prometidos. Confiabilidade economiza tempo Confiabilidade economiza dinheiro Confiabilidade dá estabilidade

16 Confiabilidade pode significar: Supermercado Expõe horário de funcionamento A proporção de bens em falta é mínimo O tempo de fila é mínimo Há disponibilidade de vagas no estacionamento

17 Objetivo Flexibilidade Flexibilidade significa ser capaz de mudar de operação de alguma forma. Pode ser alterar o que a operação faz, como faz ou quando faz. Mudança é a idéia-chave. Flexibilidade agiliza a resposta Flexibilidade maximiza o tempo Flexibilidade mantém a confiabilidade

18 Flexibilidade pode significar (4 tipos de exigências): Supermercado Produto/serviço: introdução de novos bens ou promoções Composto: ampla variedade de bens estocados Volume: habilidade de se ajustar ao número de consumidores atendidos Entrega: habilidade de fazer reposição de estoque

19 Objetivo Custo Custo é o ultimo objetivo a ser coberto. O custo é o principal objetivo de produção. Quanto menor o custo de produzir seus bens ou serviços, menor pode ser o preço a seus consumidores. Funcionários Instalações, tecnologia, equipamentos Materiais

20 O custo é afetado por outros objetivos de desempenho: cada um dos objetivos de desempenho possui vários efeitos externos, afetando todos eles os custos.

21 Questões para discussão 1. Para as seguintes operações, explique como suas funções produção podem apoiar, implementar e impulsionar a estratégia empresarial: a) Restaurante fast food; b) Serviço de revelação de filmes; c) Refinaria de petróleo.

22 2. Discuta sobre o que constitui qualidade, rapidez, confiabilidade e flexibilidade nas seguintes operações: a) Biblioteca universitária; b) Dentista; c) Restaurante vegetariano; d) Curso de tecnologia. 3. Usando um exemplo de sua escolha, descreva como o custo de produção pode ser afetado pela mudança dos níveis de desempenho de qualidade, rapidez, confiabilidade e flexibilidade.

23 Estratégia de Produção Nenhuma organização pode planejar pormenorizadamente todos os aspectos de suas ações atuais ou futuras, mas todas as organizações podem beneficiar-se de ter noção para onde estão dirigindo-se e de como podem chegar lá. Com outras palavras, todas as organizações precisam de alguma direção estratégica. E a função produção também!

24 O que é Estratégia ? Uma estratégia é o padrão global de decisões e ações que que posicionam a organização em seu ambiente e têm o objetivo de fazê-la atingir seus objetivos de longo prazo. Hierarquia estratégica (3 níveis) - Corporativo: orientam e conduzem a corporação em seu ambiente global, econômico, social e político. - de Negócio: cada unidade de negócio precisa elaborar sua própria estratégia de negócios, que estabelece sua missão e objetivos individuais, bem como define como pretende competir em seus mercados (consumidores e concorrentes). - Funcional: dentro do negócio, cada função precisa considerar qual seu papel em termos de contribuição para os objetivos estratégicos/competitivos do negócio e determinar a melhor forma de organizar seus recursos para apoiá-los.

25 Prioridade de Objetivos de Desempenho Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade Custo

26 Três coisas são especialmente importantes na determinação de quais objetivos de desempenho devem ser enfatizados: As necessidades específicas dos grupos de consumidores da empresa – quais são os fatores ganhadores de pedidos, qualificadores e quais menos importantes para eles? As atividades dos concorrentes da empresa – como a operação reage a mudanças no comportamento dos concorrentes? O estágio do ciclo de vida do produto no qual se encontra o produto ou serviço – produtos estão no estágio de introdução, crescimento, maturidade ou declínio?

27 Influência do Consumidor nos Objetivos de Desempenho A produção procura satisfazer aos clientes, desenvolvendo seus cinco objetivos de desempenho. Ex. Se os consumidores esperarem produtos muito inovadores, a produção deverá proporcionar alto grau de flexibilidade para conseguir inovar para seus consumidores antes dos seus rivais.

28 Diferentes fatores competitivos implicam diferentes objetivos de desempenho: Fatores competitivos Preço baixo Qualidade alta Entrega rápida Entrega confiável Produtos inovadores Ampla gama de produtos A habilidade de mudar a quantidade ou o prazo de entrega dos produtos Objetivos de desempenho Custo Qualidade Rapidez Confiabilidade Flexibilidade (produto) Flexibilidade Flexibilidade (volume/entrega)

29 Objetivos qualificadores e ganhadores de pedidos: Critérios ganhadores de pedidos são os que direta e significativamente contribuem para a realização de um negócio, para conseguir um pedido. São considerados pelos consumidores como razões-chaves para comprar o produto (bem ou serviço)

30 Objetivos qualificadores e ganhadores de pedidos Critérios qualificadores podem não ser os principais determinantes do sucesso competitivo, mas são importantes de outra forma. São aqueles aspectos de competitividade nos quais o desempenho da produção deve estar acima de um nível determinado, para ser sequer considerado pelo cliente. Abaixo deste nível qualificador de desempenho, a empresa nem será considerada como fornecedora potencial para o cliente. Acima do nível qualificador, será considerada, mas principalmente em termos de seu desempenho nos critérios ganhadores de pedidos.

31 Influência dos concorrentes nos objetivos de desempenho Exemplo: Se uma operação de entrega de pizzas a domicílio competir garantindo uma entrega rápida aos clientes em sua área, estará concentrando-se na velocidade de entrega, porque acredita que é isso que seus consumidores desejam. Contudo, se uma pizzaria concorrente oferecer entrega igualmente rápida junto com uma variedade maior de pizzas, a produção da primeira poderia ficar preocupada em ampliar sua própria variedade. Sua prioridade pode deslocar-se de rapidez para desenvolvimento de flexibilidade, para oferecer uma gama suficientemente ampla de produtos, com o objetivo de igualar-se a seu concorrente.

32 Influência dos concorrentes nos objetivos de desempenho Uma organização não precisa se igualar aos seus concorrentes, ela pode deslocar sua prioridade para um fator competitivo diferente. No exemplo: - poderia diminuir ainda mais o tempo de entrega; - poderia reduzir seus preços.

33 Influência dos ciclo de vida do produto nos objetivos de desempenho Uma forma de generalizar o comportamento de consumidores e concorrentes é associá-lo com o ciclo de vida dos produtos que a operação está produzindo. CVP : Variação do volume de venda ao longo de quatro estágios: introdução, crescimento, maturidade e declínio. Conseqüências: 1. Os produtos têm vida limitada. 2. As vendas passam por 4 estágios distintos, cada um colocando desafios diferentes ao vendedor e produtos. 3. Os lucros variam nos diferentes estágios. 4. Os produtos exigem diferentes diferentes estratégia de marketing, de produção (ou de manufatura), de compras e de pessoal em cada etapa do ciclo.

34 CICLO DE VIDA DE PRODUTO Introdução Crescimento Maturidade Declínio Tempo Volume de Vendas

35 Efeitos do Ciclo de Vida do Produto na Organização Introdução Volume Consumidores Concorrentes Variedade Prováveis ganhadores de pedidos Prováveis qualificadores Principais objetivos de desempenho Baixo Inovadores Poucos/nenhum Customização alta Características do produto Qualidade, gama de produtos Flexibilidade, Qualidade

36 Efeitos do Ciclo de Vida do Produto na Organização Crescimento Volume Consumidores Concorrentes Variedade Prováveis ganhadores de pedidos Prováveis qualificadores Principais objetivos de desempenho Crescimento rápido Adotantes pioneiros Número crescente Cada vez mais padronizado Qualidade Preço, gama de produtos Rapidez, Confiabilidade, Qualidade

37 Efeitos do ciclo de vida do produto na organização Maturidade Volume Consumidores Concorrentes Variedade Prováveis ganhadores de pedidos Prováveis qualificadores Principais objetivos de desempenho Alto e estável Massa do mercado Número estável Surgimento de tipos dominantes Preço baixo, gama de produtos Gama de produtos, Qualidade Custo, Confiabilidade

38 Efeitos do ciclo de vida do produto na organização Declínio Volume Consumidores Concorrentes Variedade Prováveis ganhadores de pedidos Prováveis qualificadores Principais objetivos de desempenho Declinando Atrasados Número em declínio Padronização Preço baixo Fornecimento confiável Custo

39 Estudos de Casos

40 Questões para discussão 1. Explique, exemplificando, a diferença entre estratégia corporativa, estratégia de negócio e estratégia funcional. 2. Explique como uma filial de uma grande cadeia de supermercados pode: a) contribuir diretamente aos objetivos estratégicos de toda a empresa; b) ajudar outra partes da empresa a contribuir.

41 3. Assumindo que os celulares com câmera fotográfica estejam no estágio de maturidade do seu ciclo de vida, como os principais objetivos de desempenho de um fabricante deste tipo de celular podem ter mudado ao longo do ciclo até agora? 4. Para organizações que fornecem os seguintes produtos, o que você acha que poderiam ser os fatores ganhadores de pedidos e os qualificadores? a) Livros-textos escolares b) Máquinas de lavar industriais c) Uma imobiliária 5. Muitos fabricantes japoneses basearam seu sucesso em produtos que eram considerados em seu estágio maduro, como automóveis e televisores. Como conseguiram revitalizar os mercados para esses produtos e qual é o papel da gestão de produção nisto?

42 Referências SLACK, N. et al. Administração da produção. São Paulo : Atlas, CHIAVENATO, Idalberto. Administração de empresas. São Paulo: Makrons Books, CHIAVENATO, Idalberto. Gerenciando com as pessoas: transformando o executivo em um excelente gestor de pessoas. Rio de Janeiro: Elsevier, PARANHOS FILHO, Moacyr. Gestão da produção industrial. Curitiba: Ibpex, BULGACOV, Sergio (org.). Manual de gestão empresarial. São Paulo: Atlas, 1999.


Carregar ppt "Grupo de Gestão GESTÃO DE EMPRESAS Semana 4 Estratégia de Produção."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google