A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AULA TÉCNICA 15 2006 INSTRUTOR: SCOPINO. SCOPINO TREINAMENTOS LUBRIFICAÇÃO AULA 15.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AULA TÉCNICA 15 2006 INSTRUTOR: SCOPINO. SCOPINO TREINAMENTOS LUBRIFICAÇÃO AULA 15."— Transcrição da apresentação:

1 AULA TÉCNICA INSTRUTOR: SCOPINO

2 SCOPINO TREINAMENTOS LUBRIFICAÇÃO AULA 15

3 ENVIE SUAS DÚVIDAS À UMEC TEMOS PLANTÃO DE DÚVIDAS AO FINAL DESTA AULA COM O INSTRUTOR SCOPINO. AS SUAS DÚVIDAS SERÃO RESPONDIDAS CONFORME O ASSUNTO ABORDADO.

4 JÁ TIVEMOS AQUI NA UMEC, A AULA SOBRE CÁRTER DE ÓLEO. Nesta aula veremos: LUBRIFICAÇÃO

5

6 DEFINIÇÃO PODE SER COM SUBSTÂNCIAS:.GASOSA.LÍQUIDA.SÓLIDA.PASTOSA COM A LUBRIFICAÇÃO O ATRITO ENTRE PARTES CONTINUA, MAS O SEU DESGASTE DIMINUE.

7 CÁRTER

8 ORIGEM O ÓLEO LUBRIFICANTE É O MAIS UTILIZADO NA LINHA AUTOMOTIVA, SENDO OBTIDO DO PETRÓLEO APÓS A SUA DE DECOMPOSIÇÃO. PETRÓLEO VEM DO LATIM (PETRA=PEDRA + OLEUM=ÓLEO) PODE SER TAMBÉM VEGETAL, ANIMAL, OU DERIVADO DO MINERAL, O SINTÉTICO.

9 DIAGRAMA DO PETRÓLEO LUBRIFICANTES RESÍDUOS GÁS GASOLINA QUEROSENE DIESEL UNIDADE DESTILADORA DA EXTRAÇÃO DO PETRÓLEO

10 TRATAMENTO APÓS A DESTILAÇÃO, OS ÓLEOS LUBRIFICANTES SÃO TRATADOS COM SOLVENTES E ÁCIDOS, DESTA FORMA SE OBTÉM OS ÓLEOS BÁSICOS. CADA FORNECEDOR DE ÓLEO, FAZ A COMPOSIÇÃO DE SEU LUBRIFICANTE COM A ADIÇÃO DE VÁRIOS ADITIVOS, CADA UM COM O SEU PACOTE.

11 ADITIVOS.DETERGENTES - limpam e dissolvem.DISPERSANTES - evitam que a sujeira retirada se depositem.INDICE DE VISCOSIDADE - mantém a viscosidade com aumento da temperatura.ANTI-OXIDANTES - retardam a combinação química do óleo com o ar

12 PESCADOR DISPERSANTES PERMITEM A PENEIRA FICAR DESOBSTRUÍDA

13 MAIS ADITIVOS.ANTI-CORROSIVOS - retardam a corrosão das partes metálicas cobertas pelo óleo.PONTO DE FLUIDEZ - fazem os óleos suportarem a baixa temperatura para não ocorrer o congelamento.ANTI-ESPUMANTES - impedem a formação de espuma com a agitação e movimentação do lubrificante;

14 CARACTERÍSTICAS.LUBRIFICAR AS PARTES MÓVEIS E REDUZIR O SEU ATRITO.RESFRIAR O MOTOR.PREVINE O DESGASTE.PROTEGE CONTRA A CORROSÃO.LIMPA A CÂMARA DE COMBUSTÃO.VEDA O CILINDRO DO MOTOR, ENTRE OS ANÉIS E OS PISTÃOS

15 NORMAS OS LUBRIFICANTES SEGUEM NORMAS PRÓPRIAS DAS MONTADORAS, OU SAE OU ACEA. A APLICAÇÃO DE CADA ÓLEO DEVE SEGUIR A RECOMENDAÇÃO DETERMINADA PELO FABRICANTE, SE ELE ATUA COM A NORMA AMERICANA SAE, EUROPÉIA ACEA OU NORMA PRÓPRIA, OU SEJA COM PACOTE ESPECÍFICO.

16 PRESSÃO DE ÓLEO

17 É MUITO IMPORTANTE A PRESSÃO DO ÓLEO, POIS O NÍVEL DE ÓLEO NA MAIORIA DOS VEÍCULOS NÃO É INDICADO NO PAINEL, APENAS A PRESSÃO DE TRABALHO ATRAVÉS DE LUZ OU PONTEIRO. O COMPONENTE QUE FAZ ESTA MEDIÇÃO, É O INTERRUPTOR DE PRESSÃO DE ÓLEO.

18 PERGUNTA PODEMOS MISTURAR MARCAS DE LUBRIFICANTES DIFERENTES ?

19 RESPOSTA SE RESPEITARMOS OS CÓDIGOS DE APLICAÇÃO E O NÍVEL E VISCOSIDADE SAE OU ACEA PODEMOS. O IDEAL É SEMPRE USAR APENAS UMA MARCA, MAS COM A DESCRIÇÃO ACIMA É POSSÍVEL A APLICAÇÃO.

20 OBRIGADO PELO ACOMPANHAMENTO DAS AULAS. ATÉ A PRÓXIMA: AULA 16 LUBRIFICAÇÃO 2 Instrutor Scopino

21 E AGORA VAMOS: AO PLANTÃO DE DÚVIDAS COM O SCOPINO UMEC – UNIVERSIDADE DO MECÂNICO


Carregar ppt "AULA TÉCNICA 15 2006 INSTRUTOR: SCOPINO. SCOPINO TREINAMENTOS LUBRIFICAÇÃO AULA 15."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google