A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Projeto de Produtos e Serviços Competitividade e Estratégia Estratégia na manufatura Técnicas avançadas de projeto e desenvolvimento do produto e serviços.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Projeto de Produtos e Serviços Competitividade e Estratégia Estratégia na manufatura Técnicas avançadas de projeto e desenvolvimento do produto e serviços."— Transcrição da apresentação:

1 Projeto de Produtos e Serviços Competitividade e Estratégia Estratégia na manufatura Técnicas avançadas de projeto e desenvolvimento do produto e serviços

2 Projeto de Produtos e Serviços Vantagem competitiva do bom projeto: O objetivo de projetar produtos e serviços é satisfazer os clientes, atendendo expectativas atuais e futuras; Melhora a competitividade da empresa;

3 Projeto de Produtos e Serviços O que é projetado em um produto ou serviço? Conceito: conjunto de benefícios esperados que o consumidor está comprando; Pacote de produtos ou serviços: é o conjunto de componentes que proporcionam os benefícios definidos no conceito; Processo: que define a relação entre os componentes dos produtos e serviços.

4 Projeto de Produtos e Serviços CONCEITO Compra máquina de lavar: Benefícios esperados: um design atraente; adequado ao espaço área de serviços; possibilitar a lavagem das roupas; vida útil longa; Praticidade e conforto para o consumidor.

5 Projeto de Produtos e Serviços CONCEITO PRODUTO Compra máquina de lavar: Benefícios esperados: um gabinete atraente; adequado ao espaço área de serviços; possibilitar a lavagem das roupas; vida útil longa; Praticidade e conforto para o consumidor. SERVIÇO Refeição em um restaurante: Benefícios esperados: ambiente atraente; refeição bem preparada e apresentada; atmosfera relaxante.

6 Projeto de Produtos e Serviços A maior parte das operações, se não todas, produz combinação de produtos e serviços. Essa coleção de produtos e serviços, é denominada PACOTE

7 Projeto de Produtos e Serviços PACOTE PRODUTO Compra máquina de lavar: O produto em si, a máquina de lavar; Garantia; Serviços pós-venda; SERVIÇO Refeição em um restaurante: Produtos como comida e bebida; Fornecimento de comida à mesa; Atenção do garçom.

8 O PRODUTO Introdução: Artesão: atendia necessidades específicas de seus clientes. Revolução Industrial: necessidade de padronização de produtos e processos; Consumidor perde o poder de influenciar na definição dos produtos que ia consumir; Projetistas não consultavam o mercado quanto as necessidades;

9 O PRODUTO Fase Produção em Massa: preocupação – produção máxima possível, cabendo ao pessoal de vendas o problema de colocar o produto no mercado (product-out) ou seja, saída de produto; Product Out: É uma estratégia de produção com alta orientação para a produção e baixa orientação para o consumidor. Ex.: gasolina, arroz,prego.

10 O PRODUTO Após segunda guerra mundial – japoneses – novas estratégias empresariais,voltadas para exportação visando o mercado mundial; Sucesso japoneses – melhoria na qualidade como estratégia mercadológica – pouco a pouco conquistaram mercados externos; Na conquista de novos consumidores, as empresas foram obrigadas a dar atenção á voz do mercado; Nova abordagem: market-in – o que vem do mercado para dentro da empresa;

11 O PRODUTO Aspectos básicos: necessidades dos consumidores (a voz do cliente) e como atendê-las; A forma como a empresa trata estas questões define sua competitividade; Marketing in: É uma estratégia de produção com baixa orientação para a produção e alta orientação para o consumidor. Ex.: brinquedos, roupas.

12 O SERVIÇO Experiência intangível, como noite em um clube noturno, uma viajem de aventura.

13 O SERVIÇO Serviços = Setores terciários da Economia - Abrange 75% dos empregos e do PIB -Pressupõe um encontro entre fornecedor e recebedor dos serviços, no front office -Dificuldade de controle -Bem portador = bem tangível que acompanha os serviços

14 Características dos Serviços Alto contato com o cliente Participação do cliente no processo Perecibilidade Não estocável Mão-de-obra intensiva Curtos lead-times Output variável e não padronizável Intangibilidade Dificuldade de se medir produtividade Dificuldade em se medir qualidade

15 Tendências no Setor de Serviços Aumento da competitividade internacional –Aumento da participação de empresas prestadoras de serviços na economia globalizada Melhoria da produtividade em serviços –Utilização de softwares de gestão integrada Tecnologia e automação em serviços –Assistência permanente de especialistas em automação Adequação de trabalhos em serviços –Necessidade de qualificação e capacitação superior dos funcionários

16 Estratégias para gerir a demanda por serviços –Atendimento da demanda, em tempo e hora, com excelente qualidade –Encontrar um melhor equilíbrio entre oferta e demanda –Estratégias: Preços diferenciados Distribuição de senhas Sistema de filas

17 Projeto de Produtos e Serviços O imperativo da Competitividade O que significa para uma empresa ser competitiva? Ser competitivo é ter condições de concorrer com um ou mais fabricantes e fornecedores de produto ou serviço em determinado mercado; Competitividade: Identificar e atender as necessidades dos consumidores. Perde-se essa capacidade – são expulsas do mercado.

18 Projeto de Produtos e Serviços A medida que crescem as vantagens competitivas (atributos da empresa que são únicos ou superiores às demais), aumenta sua parcela de mercado; Imperativo da competitividade: Uma empresa é competitiva quando identifica e atende as necessidades dos consumidores e detém qualquer fatia de um determinado mercado. Só sobrevivem as que mantém alguma vantagem competitiva sobre seus concorrentes; Uma empresa pode ser competitiva em um mercado e em outro não; Empresas de classes mundiais;

19 Projeto de Produtos e Serviços Estratégias competitivas Informatização; Desmobilizações; Qualidade total; Aquisições; Incentivos; Projeção de demandas; Marketing; Robotização. Estratégias manufatura Custos; Qualidade; Prazos de entrega; Flexibilidade; Inovação; Produtividade; Tecnologia.

20 Projeto de Produtos Quanto Produzir: Produzir mais gera custos desnecessários; Produzir menos, gera custos de não- atendimento, desgaste na imagem da empresa; Alcançar o Ponto de Equilíbrio é um dos objetivos da ADM da Produção;

21 O PRODUTO PROJETO DO PRODUTO: Elemento básico de vantagem competitiva: Diferenciado quanto a: Custo (Menor nº de peças); Mais padronização (modularidade); Qualidade (robustez); Inexistência de falhas (até 80% decorre do projeto do produto);

22 O PRODUTO Todo Produto deve: Ser funcional (prático); De fácil utilização; Considerar os aspectos ergonômicos; Estética; Comandos auto-explicativos; Preocupação com preservação meio ambiente; Apoiar-se em tecnologia conhecida; Colaboração de equipes multifuncionais.

23 O PRODUTO Um bom projeto de produto deve considerar as seguintes técnicas: 1) Facilidade de montagem – desing for assembly (DFA); 2) Facilidade de fabricação – desing for manufactore (DFM); 3) Facilidade para desmontagem – desing for disassembly (DFD);

24 O PRODUTO 4) Adaptabilidade ao meio ambiente – desing for environment (DFE); 5) Engenharia simultânea – engenharia concorrente (concurrent engineering), É uma técnica para desenvolvimento de novos produtos que utiliza equipes multidisciplinares (composta de pessoas de diversas especialidades), desde o início até o final do projeto. 6) Engenharia robusta: É uma técnica que tem por objetivo criar produtos que devem suportar situações adversas sem apresentar defeitos, tais como: variação de temperatura, umidade, choques, impactos e quedas, mal uso do ser humano.

25 O PRODUTO 7) Engenharia de valor: É uma técnica utilizada pelas empresas, para aumentar o valor percebido pelo consumidor, em um determinado produto. Através da análise de valor, gera-se alternativas, como substituição de materiais e/ou novas funções que possam levar o consumidor a perceber maior valor em um determinado produto. selecionar o produto; obter informações; definir funções; gerar alternativas; avaliar alternativas; selecionar alternativa; implantar; Diretrizes básicas da engenharia de valor: - reduzir o número de componentes; - usar materiais mais baratos; - simplificar processos.

26 O PRODUTO 8) Projeto Modulado: A partir de módulos, projetam se vários produtos finais diferentes, com várias aplicações. 9) Confiabilidade: capacidade de o produto desempenhar as funções que dele se esperam.

27 O PRODUTO CONCEITO DO CICLO DE VIDA O projeto de um produto deve levar em conta seu ciclo de vida: a) Introdução: fase inicial – baixo volume de vendas, baixo volume de produção; Geralmente o sistema de vendas é por encomenda. Muitos produtos não ultrapassam este estágio. b) Crescimento: começa a firmar-se no mercado, aumenta a demanda, alteram-se os processos produtivos. A concorrência não é muito relevante neste estágio. Deve-se buscar fidelizar os clientes.

28 O PRODUTO 3) Maturidade: há estabilização na demanda e nos processos industriais, geralmente a produção do produto atingiu alto grau de padronização. Existem poucos e fortes concorrentes neste estágio. 4) Declínio: Demanda decrescente, passa a perder participação de mercado.

29 O PRODUTO EstágioDemandaVendasProduçãoLucratividadeQualidadeTamanho lote IntroduçãoBaixa Pequeno CrescimentoAltaCrescente Alta por unidadeCrescenteMédios, grandes MaturidadeAlta Alta, porém baixa por unidade AltaGrandes DeclínioDecrescentedecrescenteAlta, porém intermitente BaixaAltaGrande

30 O PRODUTO Estratégias para desenvolvimento do produto Com base na tecnologia que possui – product-out. Fabricar o que pode vender – market-in. Usar as duas anteriores – Mista, que maximiza seus recursos produtivos e de desenvolvimento de novos produtos

31 O PRODUTO Processo para o desenvolvimento de novos produtos e serviços Arte ou ciência? Os dois. Metodologia que divide o processo criativo em etapas:

32 Projeto de Produtos e Serviços Metodologia de desenvolvimento de um novo produto ou serviço Geração do conceito: Transformar as idéias em conceitos. - Idéias dos consumidores (Pesquisa) - Grupo de foco - Ouvindo os clientes (sugestões, reclamações) - Idéias das atividades dos concorrentes - Idéias dos funcionários - Idéias de pesquisa e desenvolvimento (P&D) - Engenharia reversa

33 Projeto de Produtos e Serviços Triagem: avaliar o fluxo de conceito quanto a viabilidade, aceitabilidade e vulnerabilidade. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃOMARKETINGPRODUÇÃOFINANÇAS viabilidadeO mercado é suficientemente grande? Possuimos capacidade para produzir? Temos capacidade financeira para desenvolver e lançar o produto ou serviço? AceitabilidadeQuanto do mercado poderemos ganhar? Quanto teremos que organizar nossa capacidade para produzir? Qual o retorno econômico que teremos sobre o investimento? VulnerabilidadeQual é o risco de fracasso no mercado? Qual o risco de não conseguirmos produzir de forma adequada? Quanto dinheiro poderemos perder se os desenvolvimentos não forem os planejados?

34 Projeto de Produtos e Serviços Projeto preliminar : Após gerar um produto ou serviço aceitável, cria-se o projeto preliminar. Objetivo: -Ter primeira versão dos produtos ou serviços componentes do pacote; - Definição dos processos para gerar o pacote (lista de materiais).

35 Projeto de Produtos e Serviços Avaliação e melhoria do projeto : Considera-se o projeto preliminar e tenta melhorá-lo. Técnicas: -Desdobramento da função qualidade (QFD – Quality Function Deployment) – verificar se o produto ou serviço atende realmente a necessidade e expectativas do cliente. - Engenharia de valor (reduzir custos que não contribuam com o valor e desempenho do produto ou serviço). - Método de Taguchi (testar a robustez).

36 Projeto de Produtos e Serviços Prototipagem e projeto final : Transformar o projeto melhorado em um protópipo que possa ser testado. Métodos: -Maketes, modelo em papelão argila, simulação. - Prototipagem virtual. - Projeto auxiliado por computador

37 Projeto de Produtos e Serviços PROJETO INTERATIVO Desenvolver o projeto do produto ou serviço associado ao projeto de processos ( projeto interativo): -Desenvolvimento simultâneo de várias etapas no processo global (engenharia simultânea). - Resolução rápida de conflitos e incertezas de projeto (tomada de decisão). - Estrutura organizacional que reflita o desenvolvimento do projeto.

38 Documentação do Produto o Explosão o Diagrama de montagem o Estrutura analítica o Lista de material (bill of material)

39 ATIVIDADES Criação projeto de produto ou serviços - Geração de idéias - Triagem - Projeto preliminar - Avaliação e melhoria - Prototipagem e projeto final conceito - pacote – processo


Carregar ppt "Projeto de Produtos e Serviços Competitividade e Estratégia Estratégia na manufatura Técnicas avançadas de projeto e desenvolvimento do produto e serviços."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google