A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

HEMOCOR SERVIÇOS MÉDICOS LTDA RESULTADOS HOSPITALARES DA INTERVENÇÃO CORONÁRIA PERCUTÂNEA PRIMÁRIA NO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO EM PACIENTES COM MAIS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "HEMOCOR SERVIÇOS MÉDICOS LTDA RESULTADOS HOSPITALARES DA INTERVENÇÃO CORONÁRIA PERCUTÂNEA PRIMÁRIA NO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO EM PACIENTES COM MAIS."— Transcrição da apresentação:

1 HEMOCOR SERVIÇOS MÉDICOS LTDA RESULTADOS HOSPITALARES DA INTERVENÇÃO CORONÁRIA PERCUTÂNEA PRIMÁRIA NO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO EM PACIENTES COM MAIS DE 80 ANOS. Dr. Leandro C. Mandaloufas

2 INTRODUÇÃO IDOSOS < 65 ANOS 85% DAS MORTES POR IAM

3 INTRODUÇÃO ENVELHECIMENTO CARDIOVASCULAR COMORBIDADES DA IDADE LIMITAM RESERVA CARDÍACA E AUMENTAM AS COMPLICAÇÕES NO TRATAMENTO DO IAM

4 INTRODUÇÃO EXPECTATIVA DE VIDA RISCO SANGRAMENTO COM FIBRINOLÍTICOS ATC PRIMÁRIA EM IDOSOS

5 INTRODUÇÃO ESTUDO RECENTE (SENIOR PAMI) > 80 ANOSFIBRINOLÍTICOS = ATC PRIMÁRIA POPULAÇÃO = DESAFIO PARA TRATAMENTO

6 MÉTODO PACIENTES PROSPECTIVO 4788 ATC 428 (8,9%) ATCs PRIMÁRIAS > 80 ANOS e < 80 ANOS

7 MÉTODO PACIENTES CARACTERISTICAS CLÍNICAS E ANGIOGRÁFICAS TAXA DE SUCESSOEVOLUÇÃO CLÍNICAALTA HOSPITALAR

8 MÉTODO ATCs A CRITÉRIO DO OPERADOR TÉCNICA OBS: O ACESSO QUASE TODOS VIA FEMORAL MATERIAL USO IIB IIIA

9 MÉTODO ATCs HEPARINA NÃO FRACIONADA •DOSE: 70 – 100 U/kg •EXCETO: 06 PACIENTES < 80 ANOS QUE JÁ HAVIAM RECEBIDO HEPARINA DE BAIXO PESO MOLECULAR AAS •ATAQUE: 300 mg •MANUTENÇÃO: 100 mg à 200 mg/dia CLOPIDROGEL •ATAQUE: 300 – 600 mg •MANUTENÇÃO: 75 mg/dia TICLOPIDINA •250 mg A CADA 12 H

10 MÉTODO ANÁLISE ANGIOGRÁFICA E DEFINIÇÕES  REALIZADAS DUAS PROJEÇÕES ORTOGONAIS COM USO DE ANGIOGRAFIA QUANTITATIVA DIGITAL  CRITÉRIOS ANGIOGRAFICOS = BANCO DE DADOS DO CENIC.  TIPO DE LESÃO = CRITÉRIOS DO AMERICAN COLLEGE OF CARDIOLOGY/AMERICAN HEART ASSOCIATION  LESÃO LONGAS = > 20 mm  FLUXO CORONÁRIO PRÉ E PÓS PROCEDIMENTO = TIMI  SUCESSO ANGIOGRÁFICO = LESÃO < 30% C/ FLUXO TIMI III.

11 MÉTODO ANÁLISE ANGIOGRÁFICA E DEFINIÇÕES •ALTERAÇÕES DO ECG •EVIDÊNCIA ANGIOGRÁFICA DE OCLUSÃO DO VASO ALVO REINFARTO •IMEDIATAMENTE APÓS ATC RM DE EMERGÊNCIA •MORTE GERAL OU MORTE CARDIOLÓGICA NO PERÍODO HOSPITALAR CONSIDERADOS PARA ANÁLISE

12 MÉTODO ANÁLISE ANGIOGRÁFICA E DEFINIÇÕES •HEMATOMA > 10 cm NO LOCAL DA PUNÇÃO •SANGRAMENTO = QUEDA DE HB > 3 g/dl OU NECESSIDADE DE TRANSFUSÃO SANGUINEA • PSEUDOANEURISMA • HEMATOMA RETROPERITONEAL •FÍSTULA ARTÉRIOVENOSA COM NECESSIDADE DE CORREÇÃO CIRÚRGICA COMPLICAÇÕES VASCULARES MAIORES •AUMENTO DE 0,5 mg/dl DA CREATININA SÉRICA 48 – 72 h APÓS A INTERVENÇÃO IRA

13 MÉTODO ANÁLISE ESTATÍSTICA PROGRAMA NCSS VERSÃO 2004 VARIÁVEIS CONTÍNUAS EXPRESSAS: - MÉDIAS - DESVIO PADRÃO ASSOCIAÇÕES VARIÁVEIS CONTÍNUAS => TESTE T DE STUDENT VARIÁVEIS CATEGÓRICAS EXPRESSAS: PERCENTIS ASSOCIAÇÕES VARIÁVEIS CATEGORICAS => TESTE QUI-QUADRADO OU EXATO DE FISCHER

14 MÉTODO ANÁLISE ESTATÍSTICA TABELAS DE MAIOR DIMENSÃO => TESTE QUI – QUADRADO OU RAZÃO VEROSSIMILHANÇA NÍVEL DE SIGNIFICÂNCIA = P < 0,05

15

16

17

18

19 DISCUSSÃO 30% IAM = > 75 ANOS ERAM EXCLUÍDOS DE ANÁLISES OU APARECIAM EM PEQUENO NÚMERO APARTIR DA ÚLTIMA DÉCADA COM O ADVENTO DA ATC PRIMÁRIA PASSARAM A SER INCLUÍDOS NOS ESTUDOS TAVARES FILHO et. al => DOS OCTAGENÁRIOS NAS INTERVENÇÕES CORONÁRIAS 2006 – 2007 = 4,7% 2002 – 2003 = 3,7%

20 DISCUSSÃO NÃO OCORRERAM QUANTO A RESENÇA DE RMs OU ATCs PRÉVIAS BEM COMO EXTENSÃO E COMPLEXIDADE DAS LESÕES COMO EM OUTROS ESTUDOS PROPORÇÃO DE MULHERES E TAXA DE FLUXO CORONÁRIO TIMI 2/3 PRÉ INTERVENÇÃO NÃO FOI REALIZADA ANÁLISE DA FUNÇÃO DO VE => GRANDE PARTE DE AMBOS OS GRUPOS NÃO REALIZOU VENTRICULOGRAFIA GRUPO > 80 ANOS APRESENTOU KILLIP DE CLASSE MAIS AVANÇADA (IV) EVOLUINDO A MAIORIA A ÓBITO EM CHOQUE CARDIOGÊNICO

21 DISCUSSÃO ANÁLISE DOS ESTUDOS PAMI MOSTRA COMO PREDITOR DE MORTALIDADE:  KILLIP IV  > 75 ANOS  FE  FLUXO TIMI FINAL  NECESSIDADE DE BIA  AVC  ARRITMIA SIGNIFICANTE

22 DISCUSSÃO REGISTRO MELBORE PREDITOR DE MORTALIDADE INSUFICIÊNCIA RENAL IDADE > 80 ANOS CHOQUE CARDIOGÊNICO 11,3% > 80 ANOS4360 PACIENTES

23 DISCUSSÃO  STENTS ELEVADOS NOS DOIS GRUPOS  Nº STENTS FARMACOLÓGICOS FOI BAIXO = RAZÕES SÓCIO ECONÔMICAS  INIBIDOR IIB – IIIA:  > 80 ANOS = MENOS USADO TALVEZ RECEIO DE SANGRAMENTO/ CRITÉRIO OPERADOR  < 80 ANOS = USO DE 32,5% DENTRO DAS TAXAS RELATADAS PELO REGISTRO DA SOLACI

24 DISCUSSÃO CATÉTERES ASPIRAÇÕES DE TROMBOS SIMILAR ENTRE OS GRUPOS POUCO EXPRESSIVO NA AMOSTRA SOMENTE INCORPORADO A ROTINA NOS ÚLTIMOS 2 ANOS DO ESTUDO

25 DISCUSSÃO ESTUDOS MOSTRAM A SUPERIORIDADE DA: ATC PRIMÁRIA TROMBÓLISE EM IDOSOS SIGNIFICATIVO NOS DESFECHOS MORTEREINFARTOAVC

26 DISCUSSÃO •MOSTROU MENOS SIGNIFICATIVO OS DESFECHOS NOS PACIENTES > 80 ANOS •CARACTERIZANDO A COMPLEXIDADE DESTE GRUPO ESTUDO SENIOR PAMI (RECENTE)

27 DISCUSSÃO MORTALIDADE HOSPITALAR MAIOR NO GRUPO > 80 ANOS TODOS OS CASOS DE ORIGEM CARDÍACA SEMELHANTES A LITERATURA

28 LIMITAÇÕES DO ESTUDO 1. A ANÁLISE RETROSPECTIVA DOS DADOS ENTRE DUAS COORTES COM VARIÁVEIS CLÍNICAS NÃO AJUSTADAS 2. PEQUENOS NÚMEROS DE PACIENTES COM > 80 ANOS 3. SER REALIZADO EM UM ÚNICO CENTRO 4. DIVERSIDADE DE OPERADORES 5. AUSÊNCIA DO SEGMENTO TARDIO

29 RECOMENDAÇÕES  APESAR DA LITERATURA NÃO DEMONSTRAR RESULTADOS MUITO SUPERIORES DA ATC EM RELAÇÃO A TROMBÓLISE EM PACIENTES > 80 ANOS NÃO MOSTRA MAIOR NÚMEROS DE COMPLICAÇÕES PARA CONTRA INDICAR O MÉTODO  QUANDO DISPONÍVEL A ATC DEVE SER REALIZADA, PORÉM SEMPRE COM ADEQUADA UTILIZAÇÃO: CUIDADOS CLÍNICOS FARMACOSDISPOSITIVOS

30 CONCLUSÕES  ESTUDO REPRESENTA O MUNDO REAL  ATC = TAXA DE SUCESSO ANGIOGRÁFICO Í Í ÍNDICE DE COMPLICAÇÕES  PACIENTES MUITO IDOSOS COM > 80 ANOS APRESENTAM MAIOR MORTALIDADE REFLEXO DA MAIOR COMORBIDADE.

31 Obrigado


Carregar ppt "HEMOCOR SERVIÇOS MÉDICOS LTDA RESULTADOS HOSPITALARES DA INTERVENÇÃO CORONÁRIA PERCUTÂNEA PRIMÁRIA NO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO EM PACIENTES COM MAIS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google