A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Ms. Alexandre Silva de Oliveira Planejamento Estratégico ADM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Ms. Alexandre Silva de Oliveira Planejamento Estratégico ADM."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. Ms. Alexandre Silva de Oliveira Planejamento Estratégico ADM

2 1. A Competitividade Globalização e PE ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira Impacto das Mudanças Concorrência Local; Alta previsibilidade. Fator Preponderante: - Capital. Local de Trabalho: - Empresa. Fator Preponderante: - Terra. Local de Trabalho: - Casa. Tempo Maior Competição Concorrência Local; Alta previsibilidade. Concorrência Global; Média previsibilidade. Concorrência Virtual; Imprevisibilidade. Fator Preponderante: - Conhecimento. Local de Trabalho: - Todo o Mercado. Fator Preponderante: - Informação. Local de Trabalho: - Casa anos100 anos10 anosHoje Gráfico 1: Estágio de Competição Atual e o Fator Preponderante para determinar vantagens competitivas;

3 2. As Cinco Forças Competitivas Globalização e PE Figura 8: A complexidade competitiva do mercado atual - e suas cinco forças competitivos; 3 1 A Rivalidade Entre as Empresas O Poder De Negociação O Poder De Negociação A Ameaça de Novos Competidores Substitutos A Ameaça de Produtos/Serviços Substitutos Compradores A Empresa Competidores Atuais Competidores Potenciais Fornecedores ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

4 4. O Ciclo de Vida do Produto no Mercado Gráfico 2: características típicas do ciclo de vida do produto no mercado; Nascimento Maturidade Declínio Crescimento Inicial Fim do Crescimento Demanda Lucro Tempo Globalização e PE ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

5 5. A Origem das Estratégias Figura 9: Um dos primeiros registros de estratégias; Globalização e PE ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

6 6. Posturas Estratégicas Vaca Leiteira Postura de Manutenção Estrela Postura de Desenvolvimento Criança – problema Postura de Crescimento X$ ? * Pontos Fortes Predominando Pontos Fracos Predominando Oportunidades de mercado fortes Oportunidades de mercado estagnadas, ameaças se fortalecendo. Seqüência de Sucesso Cão Postura de Sobrevivência FIGURA 10: Posturas estratégicas frente à combinação de ameaças e oportunidades X pontos fortes e fracos da empresa; Globalização e PE ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

7 7. Tipos de Estratégias Estratégias Empresarias De Porter: GRÁFICO.3: Gráfico das Estratégias Genéricas de PORTER; Alta produção e baixo preço Enfo- qu e Diferenciação, alto preço e baixa produção Parcela de Mercado Retorno sobre o investimento Segmento de Mercado Específico ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

8 De Mintzberg: De Miles & Snow: De Hax & Wilde II: 8. Tipos de Estratégias O Triângulo de Estratégias Estratégia de Melhor Produto Estratégia de Soluções para o Cliente Figura 11: Três tipos diferentes de estratégicas estratégias segundo HAX & WILDE II; Estratégia de Lock-in do Sistema Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

9 De Kon; De Casarotto; De Mackenna: 9. Tipos de Estratégias FIGURA 13: Forma contemporânea do fluxo de informação (1) versus a nova forma do fluxo de informação (2 - Interação Total); Setor Comercial Produção Atacadista VarejistaConsumidor Assistência Técnica Setor Comercial Setor de P&D Projeto 1 2 Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

10 10. Tipos de Estratégias De Stewart; De Oliveira: Figura 14: Categorização dos estratagemas; (Quanto mais imperceptível, melhor) OCULTAMENTO ILUSÃO NEGATIVA (Quanto mais verossímil, melhor) DESINFORMAÇÃO ATIVA (ILUSÃO POSITIVA) ESTRATAGEMAS Testa de Ferro Emergente Despistamento Emergente Mascaramento Emergente Manipulação Planejado Barganha Emergente Blefe Emergente Simulação Emergente Barganha Planejado Isca Planejado Isolamento Planejado Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

11 11. Tipos de Estratégias De Yoffie e Cusumano: Figura 15: Esboço de uma luta de judô; Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

12 12. Seleção das Estratégias Baseada em Brainstorming (tempestade de idéias), criando os cenários mais prováveis de ocorrerem, com posterior análise e discussão. É a extrapolação de dados estatísticos, dos modelos econométricos e os modelos de situação. Isto quando a descontinuidade temporal não for muito influente. É prever o futuro do mercado de forma qualitativa. É pouco eficiente se comparado com métodos como o Delphi que baseia-se em posicionamentos de especialistas. Consiste em fornecer um questionários com várias perguntas a especialistas de diferentes áreas, e posteriormente compilar os dados em uma planilha, fazendo-se a análise por consenso do que será mais provável. Listagem das variáveis externas que caracterizam um fenômeno e descrição dos cenários mais prováveis e os cenários mais desejados. Método de Previsão Qualitativa Método de Delphi MÉTODOS Inspeção do Ambiente Método de Previsão Quantitativa Método dos Cenários PONTOS A ANALISAR Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

13 Objetivos Variáveis Críticas Internas Variáveis Críticas Externas Estratégias de Ação 13. Método dos Cenários FIGURA 16: Seqüência lógica de pensamento no planejamento racional; Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

14 Baseada em Brainstorming (tempestade de idéias), seguido de análise e discussão. Identificar quais as atividades e aptidões de gestão desejáveis para que sua capacidade possa ser considerada boa. Deve avaliar qual a probabilidade de mudanças no setor e qual a vulnerabilidade da empresa caso isto aconteça. TÉCNICA DE ANÁLISE CARACTERÍSTICAS Listagem de Forças e Franquezas Perfil de Capacidades Análise de Vulnerabilidade 14. Identificação Estratégica com Base nas Oportunidades e Ameaças Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

15 FONTE: Adaptado do MANUAL DO PROGRAMA DE EXTENSÃO EMPREARIAL do Governo do Estado do Rio Grande do Sul (2000); Área de Ação Urgente Ameaça muito grande sob aspectos muito relevantes para o alcance dos objetivo. Área de Indiferença Oportunidade e/ou Oportunidade e/ou ameaça fracas e com pouca influência no alcance do objetivo. 15. Identificação Estratégica com Base nas Oportunidades e Ameaças Área de Oportunidade Escancarada Oportunidade de crescimento muito boa e com muita influência para o alcance do objetivo. Área de Oportunidade Estreita Oportunidade de crescimento muito boa mas que tem pouca influência para o alcance do objetivo. Crescimento (Eficiência da estratégia tomada) Pouco Importante Importante Muito Importante Importância para o alcance do objetivo (Eficácia da estratégia tomada) Área Intermediária (Oportunidades e Ameaças Médias) Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira

16 16. Identificação Estratégica com Base nas Forças e Fraquezas FONTE: Adaptado do MANUAL DO PROGRAMA DE EXTENSÃO EMPREARIAL do Governo do Estado do Rio Grande do Sul (2000); Área de Ação Urgente Fraqueza Máxima Desempenho muito baixo, mas muito importantes para o alcance do objetivo Área de Indiferença Força e/ou Fraqueza Mínima Desempenho ruim, mas pouco importantes para o alcance do objetivo Área de Eficácia Força Máxima Desempenho muito bom e muito importantes para o alcance do objetivo Área de Excesso Força Baixa Desempenho muito bom, mas pouco importantes para o alcance do objetivo Área de Melhorias (Força e Fraquezas Médias) Desempenho (Eficiência operacional) Pouco Importante Importante Muito Importante Importância (Eficácia Operacional) Estratégias Empresariais ADM Prof. Ms. Alexandre Oliveira


Carregar ppt "Prof. Ms. Alexandre Silva de Oliveira Planejamento Estratégico ADM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google